Clique e assine a partir de 9,90/mês

Relações humanas direcionam nova série infanto-juvenil da TV Cultura

‘Que Monstro te Mordeu?’, criada por Cao Hamburger, a mente brilhante por trás de ‘O Castelo Rá-Tim-Bum’, estreia nesta segunda-feira, dia 10 de novembro

Por Mariana Amorim - 10 nov 2014, 12h28

Que Monstro te Mordeu?, a nova série da TV Cultura, chega em um momento de maré baixa para as crianças na TV aberta. Emissoras como Globo e Record abriram mão de programas infantis em favor de programas matinais ao vivo, que rendem mais ibope e merchandising. Na contramão desta tendência, o canal público paulista estreou nesta segunda-feira, 10 de novembro, às 11h30, a nova série do criador da icônica Castelo Rá-Tim-Bum, que completa 20 anos com uma exposição em sua homenagem no Museu da Imagem do Som, em São Paulo.

Leia também:

Mostra em SP reproduz cenários de ‘Castelo Rá-Tim-Bum’

Apesar do espaço aberto para crescer na TV aberta e da grife Cao Hamburger, figura carimbada também nos ótimos filmes Xingu (2012) e O Ano em Que Meus Pais Saíram de Férias (2006), Que Monstro te Mordeu tem pelo menos um desafio pela frente, o de conquistar crianças nascidas na era da tecnologia, com dispersão de sobra por perto. “Vamos falar sobre o que há de mais profundo no ser humano”, diz Hamburger. “Quando fizemos o Castelo Rá Tim Bum, estávamos no começo dessa grande revolução digital. Tínhamos apenas seis canais de televisão no país, mas já estava aparecendo o computador, e o programa Windows chegou com aquela ideia de abrir diversas janelas em uma tela. Então, em O Castelo a ideia era multiplicar a meia-hora do programa e exibir o máximo de coisas que conseguíssemos. Decidimos criar diversas ‘janelas’ em O Castelo, como a dos passarinhos, a marionete na lareira, as fadas. Eram informações para se entender o mundo, o conteúdo pedagógico era mais amplo. Hoje, estamos no meio de um monte de janelas e informações. Então, ao contrário do que já foi feito, vamos entender a nós mesmos, no meio dessa loucura toda, as nossas relações. Queremos falar de coisas mais básicas e dar equilíbrio para essa pessoa que está nesse mundo tão complexo”, diz Hamburger.

Continua após a publicidade

Na trama, todo monstro que é desenhado por uma criança ganha vida no Monstruoso Mundo dos Monstros, o que provoca alvoroço na vida dos personagens. A cada episódio, um novo monstro aparece e, com isso, o elenco principal terá de resolver as confusões, que dialogam com temas ligados às relações humanas e conflitos primitivos do homem, como o ciúme, o medo e raiva.

O pai do ‘Castelo Rá-Tim-Bum’ apresenta sua nova criação

Caberá a Lali, personagem meio monstro e meio humana, interpretada pela atriz Daphne Bozaski, juntamente com os habitantes do Monstruoso Mundo dos Monstros, solucionar os conflitos. Com animações em 3D e bonecos criados por Paul Andrejco -do seriado americano Muppet Show -, o elenco conta com oito bonecos principais: o monstrólogo Dr. Z (Paulo Henrique Santos), o monstro legume Morgume (Aguinaldo Rodrigues Feitosa), a bola de chicletes Dedé (Hugo Picchi), a poltrona cor-de-rosa falante Luísa (Melina Menghini), e a lata de lixo ambulante Gorgo (Sidnei Caria). E a cada episódio os amigos têm de aprender a lidar com os conflitos presentes no dia a dia.

Para Teresa Cristina Rego, professora livre-docente da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, consultora pedagógica da série, o tema principal é o que diferencia uma série da outra. “Uma das grandes diferenças entre O Castelo Rá Tim Bum e Que Monstro te Mordeu? é o ponto de partida. Existe o estranhamento da Lali no Mundo dos Monstros, já que ela é metade humana e metade monstro. Acho que temos o exercício de aceitar e descobrir o diferente, da tolerância com questões que estão colocadas no mundo contemporâneo, que está cada vez mais intolerante, lidando mal com a diversidade, embora precise enfrentar essas questões. Existe um ponto de partida diferente neste sentido, que é muito atual”, disse.

Continua após a publicidade

A primeira temporada de Que Monstro Te Mordeu? tem cinquenta episódios, de trinta minutos cada. Na TV Cultura, o programa será transmitido de segunda a sexta-feira, às 11h30 e às 19h30. Na TV Rá Tim Bum, canal pago da TV Cultura disponível por assinatura, terá exibição nos mesmos dias, às 13h30 e às 20h30. Em paralelo, serão transmitidos outros cinquenta web-episódios, de três minutos cada, exclusivos para o canal da série no YouTube.

Publicidade