Clique e assine a partir de 9,90/mês

Redes sociais ‘se jogam’ nas críticas contra o novo programa da Globo

Sonoplastia e número de apresentadores foram alvo de reações negativas na atração com Fernanda Gentil, mas participação de Paolla Oliveira foi elogiada

Por Redação - 30 set 2019, 16h58

O novo programa que mistura Vídeo Show, com o antigo Vídeo Game da Angélica e ainda conta com “fofocas” de atores da própria Globo, estreou na tarde desta segunda-feira, 30. Se Joga é apresentado por Fernanda Gentil, Fabiana Karla e Érico Brás e promete trazer “diversão” e “entretenimento” para as tardes da emissora.

A estreia da atração contudo, não trouxe nem um e nem outro. A Record, que exibe o Balanço Geral no mesmo horário, teve uma audiência melhor do que a da Globo com o noticiário policial. Enquanto este chegou a 11 pontos de audiência, o global não chegou aos 9.

O início de um programa geralmente tem erros, gafes e precisa de melhoras. Por este motivo é chamado de piloto. Serve também para medir o grau de aceitação do público. No caso de Se Joga, levando em conta também as reações nas redes sociais, ela foi baixa. A hashtag #SeJoga chegou rapidamente aos assuntos mais comentados, porém a maioria das mensagens são negativas. O público achou o programa “sem graça”, “bagunçado”, com sonoplastias “parecidas com o (Programa do) Ratinho”, entre outras comparações. Confira:

Alguns pediram a volta da reprise de A Grande Família, que passava no horário da tarde.

Segundo o termômetro das redes sociais, porém, o programa acertou em uma coisa: levar a atriz Paolla Oliveira para as brincadeiras no palco.

 

Publicidade