Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Primeiro contrato assinado pelos Beatles vai a leilão

Sotheby's espera levantar o equivalente a quase 3 milhões de reais com a venda do documento

O contrato que deu início à carreira dos Beatles será leiloado no dia 29 de setembro em Londres. A casa Sotheby’s espera levantar até meio milhão de libras (o equivalente a 2,9 milhões de reais) por sua negociação.

Esse é o único acordo escrito entre os quatro membros do grupo – John Lennon, George Harrison, Paul McCartney e Ringo Starr – e seu empresário, Brian Epstein, morto por overdose em 1967. O contrato foi assinado em 1º de outubro de 1962, apenas quatro dias depois do lançamento do primeiro hit da banda de Liverpool, “Love Me Do”.

Os Beatles assinaram um primeiro contrato com Epstein quando o baterista ainda era Pete Best. Quando foi substituído por Ringo Starr, foi necessário um novo documento. No contrato aparece a assinatura dos músicos e a dos pais de Paul McCartney e George Harrison, que ainda eram menores de idade.

As cláusulas do contrato estipulam que Epstein voltaria a assinar como produtor da banda por cinco anos e receberia boas comissões: 10% dos lucros caso fossem inferiores a 400 libras semanais, 20% entre 400 e 800 libras, 25% quando passavam desses números.

Leia mais:

Para irmã de John Lennon, Brasil tem papel central na nova beatlemania

John Lennon resistiu a assinar dissolução dos Beatles, diz ex-assistente

Sessões dos Beatles no estúdio Abbey Road inspiram musical

(Com AFP)