Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Pode me chamar de feminista’, diz Kim Kardashian

‘Eu sou muito mais esperta do que pareço’, disse a socialite em entrevista

Estrela de TV, musa das selfies, mãe, empresária, estilista, hit da internet, favorita das redes sociais, etc. O pacote de características, atrelado à Kim Kardashian, prova que a principal característica da esposa de Kanye West é a versatilidade – especialmente quando a meta é alcançar mais fama. Ela, que é a próxima capa da Rolling Stone americana, garante que é “muito mais esperta do que parece” e que, apesar de não gostar de rótulos, “pode me chamar de feminista”.

LEIA TAMBÉM:

Kim Kardashian lança coleção para brasileiras avantajadas – como ela

Padrasto de Kim Kardashian estreia seu novo ‘eu’ na ‘Vanity Fair’ e pede: ‘Me chame de Caitlyn’

“Eu realmente nunca gostei de me adequar aos rótulos, e não gosto de impor o meu ponto de vista”, diz Kim à revista americana. “Se eu sou alguma coisa, é como eu me sinto. Nunca vou dizer: ‘Sou desta maneira, então você deve ser assim.’ Porém, acho que você pode me chamar de feminista.”

Kim também falou da família, do marido, do irmão, das controvérsias em que se envolveu e do imaginário criado em torno dela. Quando questionada como ela acha que é sua imagem na cabeça do público, a estrela do reality Kepping Up With The Kardashians respondeu sem dúvidas: “Acredito que eu sou muito mais esperta do que pareço”, disse.

A socialite ainda falou sobre o futuro e que, em vinte anos, espera ser vista como empresária de sucesso e um sex symbol. “Eu acho que você pode ter os dois. Você pode ser o que quiser”, finalizou.