Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Paula Fernandes quer rescindir contrato com Leonardo

A cantora sertaneja Paula Fernandes conseguiu na semana passada uma liminar, à qual ainda cabe recurso, que garante a ela o direito de agendar os próprios shows. Paula havia entrado com uma ação na justiça para rescindir contrato com a produtora Talismã, empresa do cantor Leonardo que gerencia sua carreira desde 2008. Segundo seu advogado, José de Araujo Novaes Neto, a cantora quer administrar sua carreira por meio da empresa Jeito de Mato, da qual é uma das sócias.

LEIA TAMBÉM:

LEIA TAMBÉM: Paula Fernandes na mira da LS Music, de Luan Santana

Novaes afirma que a Talismã já havia sido informada de que Paula não renovaria o contrato, que vence no dia 11 de novembro, com a produtora. Mas, de acordo com ele, havia ainda um “problema de comunicação” entre Paula e a empresa, e a cantora estava “a um passo de perder o controle de sua agenda de shows”. Foi essa falta de controle sobre a própria agenda, de acordo com Novaes Neto, que levou a cantora a tentar a liminar agora obtida na justiça.

Até o vencimento do contrato com a companhia de Leonardo, Paula terá de depositar 30% do valor de cada apresentação e 20% de cada propaganda de que participar até que a justiça dê a decisão final. Procurada para comentar a decisão judicial, a Talismã afirmou não ter sido notificada.

Segundo nota divulgada pela cantora nesta tarde, ela busca uma “transição pacífica”. Diz ainda que “nutre um enorme respeito e admiração por Leonardo” e que “quer manter parceria artística com o cantor”.