Clique e assine a partir de 9,90/mês

Parte de camarote desaba durante show de Xand Avião no RN

Segundo o Corpo de Bombeiros, 32 pessoas ficaram levemente feridas; causas do acidente ainda são investigadas

Por Estadão Conteúdo - Atualizado em 8 jun 2018, 16h22 - Publicado em 8 jun 2018, 16h16

Parte da estrutura de um camarote privado desabou na madrugada desta sexta-feira, durante um show do cantor Xand Avião na cidade de Mossoró, no Rio Grande do Norte. Xand, que é vocalista da banda Aviões do Forró, estava em apresentação solo.

Segundo o Corpo de Bombeiros, 32 pessoas ficaram levemente feridas. O acidente ocorreu durante o primeiro dia do Mossoró Cidade Junina, evento tradicional da cidade e a maior do tipo no Estado, conhecida pelas águas termais.

Imagens publicadas no YouTube mostram o centro do camarote afundado e algumas pessoas levadas em maca para ambulâncias.

Além do Corpo de Bombeiros, atuaram no atendimento aos feridos o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e a Comunidade de Saúde, informou a prefeitura de Mossoró em comunicado.

Continua após a publicidade

Na nota, o município disse lamentar o ocorrido e que “exigirá explicações da empresa sobre o acidente”. Os órgãos competentes também foram acionados para investigar as causas do desabamento.

Segundo o major Queiroz, do Corpo de Bombeiros, o camarote tinha capacidade para 980 pessoas, foi vistoriado e liberado pela corporação para uso antes do evento. Ele destacou que não cabe aos bombeiros nem à prefeitura a competência legal pela estrutura e demais instalações da festa. Os bombeiros são responsáveis apenas pela vistoria de proteção contra incêndio, como extintores, sinalização e saídas de emergência, acessos e escadas.

“Estamos em perícia, mas não podemos afirmar se houve superlotação ou se estava com a lotação prevista, mas, pela má qualidade do material, houve o desabamento”, afirmou o major.

Continua após a publicidade

A prefeitura reforçou que “não tem responsabilidade sobre a montagem e exploração do camarote privado, mas vai exigir da empresa responsável explicações e providências que garantam a segurança e evitem qualquer possibilidade de risco desta estrutura particular no evento”.

Ainda segundo o major do Corpo de Bombeiros, foi emitido um auto de interdição dos dois camarotes da empresa responsável pelas estruturas. Os locais foram isolados e não poderão ser acessados até que se faça um novo laudo que ateste a segurança dos espaços. O acidente não vai comprometer os demais dias do evento.

 

Publicidade