Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pâine Panificação Artesanal & Cafeteria: a melhor de Fortaleza

Um casal formado por uma russa e um mineiro tem ajudado a elevar o padrão dos pães da capital cearense

O que a paixão por bons pães não faz? Tão logo desembarcaram em Fortaleza para ficar, em fevereiro do ano passado, o mineiro Thiago Lima e a russa Irina Chuprunova sentiram falta de padarias iguais às que frequentavam na Europa, onde se conheceram e passaram os dois últimos anos. “A solução foi abrir uma nossa”, brinca Irina, num português ainda polvilhado de sotaque russo. Formado em gastronomia, Thiago aprofundou-se no universo da panificação antes de inaugurar o negócio, sete meses depois. Instalada no imóvel em que vive o casal (é preciso tocar um sino para que o portão de ferro seja aberto), a padaria produz só pães sem aditivos químicos e com fermentação natural. As farinhas utilizadas são a francesa Bagatelle e a italiana Caputo. Para viagem, são bem disputados o pão que leva trigo-sarraceno (R$ 35,00 o quilo) e o de centeio, apelidado de russo (R$ 27,50 o quilo). Preparadas na hora, dez inventivas bruschettas individuais são boas pedidas para o café da manhã. A inverno russo combina salmão defumado e guacamole (R$ 23,50). A paris une queijo fresco, salame, bacon defumado e ovo poché (R$ 15,50). Os croissants podem vir à mesa recheados de queijo brie e geleia de damasco (R$ 15,80) ou carne de sol desfiada com cebola-roxa, queijo de coalho e molho bechamel (R$ 15,50), entre outras opções. A lista de bebidas quentes inclui do tradicional expresso (R$ 4,50) ao açucarado cappuccino com borda de Nutella (R$ 9,50). Rua Castro Monte, 899, Varjota, ☎ 3267-3566 (50 lugares). 9h/19h (sáb. 8h/17h; dom. 8h/12h; fecha seg., ter. e primeiro dom. de cada mês). Aberto em 2016.

Bruschettas como a paris feitas com pão de fermentação natural

Bruschettas como a paris feitas com pão de fermentação natural (Ligia Skowronski/VEJA)

Veja também

2º lugar: MonteCarlo
O croissant (R$ 4,29) é o carro-chefe da casa de inspiração francesa. Com recheio de Nutella, ele passa a custar R$ 7,90. Também entre os sucessos, o pão seigle rustique, de fermentação natural  leva farinhas branca e integral, nozes e uvas-passas (R$ 4,99). A chamada linha de bolos da vozinha inclui banana com farinha de rosca (R$ 20,90), o mais vendido. Diariamente, monta bufê de café da manhã, com cerca de vinte itens (R$ 19,90 o quilo durante a semana e R$ 29,90 aos sábados e domingos). À noite, a casa serve sushi, também por peso (R$ 83,90 o quilo). Avenida Senador Virgílio Távora, 820, Meireles, ☎ 3264-2356 (90 lugares). 24 horas. Aberto em 1998.

3º lugar: La Brasilerie
Além de padaria, o endereço reúne doceria, empório e sorveteria. Entre os itens de panificação estão o la brasilerie, brioche com jerimum, carne de sol e parmesão (R$ 47,90 o quilo), o pão de leite (19,90) e o carioquinha (R$ 12,90). Para beber, o café à la brasilerie leva expresso, leite e rapadura (R$ 7,90, 200 mililitros). Dos sessenta gelados produzidos na casa, o de banana frita é campeão de pedidos (R$ 11,90, uma bola; R$ 15,90, três bolas). Rua Tibúrcio Cavalcante, 736, Meireles, ☎ 3114-1434 (120 lugares). 6h/22h. Aberto em 2015.