Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Os melhores restaurantes suíços da Serra Gaúcha

Confira os estabelecimentos da categoria que valem a visita

O roteiro a seguir integra a edição digital de VEJA COMER & BEBER Porto Alegre 2018/2019:

Belle du Valais
Pela grande parede de vidro que faz fronteira com a rua é possível avistar a decoração clássica. Poltronas estofadas de vermelho e lustres de cristal chamam atenção, mas nem por isso tiram o brilho do cardápio, no qual a fondue é a protagonista. Geralmente ao som de jazz, os comensais elegem o menu suíço (R$ 154,00 por pessoa). Nele, a fondue de queijo, que mistura emmental e gruyère fundidos com vinho branco seco e kirsch, dá as boas-vindas. Pão, batatinhas ao alecrim,  aipo, brócolis, folhados artesanais de goiabada, cebolinhas e pepinos em conserva acompanham. No segundo passo, pequenos escalopes de filé-mignon e frango são grelhados sobre pedra vulcânica e ladeados por batata suíça e molhos. O último ato geralmente é o mais esperado: fondue de chocolate. A ideia é mergulhar pedaços de waffle, frutas naturais e em passas e castanhas caramelizadas. O vinho da casa, o carménère Cordilheira, sai a R$ 118,00. O cardápio lista ainda pratos como o carré de cordeiro com molho de sálvia e queijo grana padano, servido com risoto de moranga (R$ 128,00). Avenida das Hortênsias, 1432, centro, Gramado, ☎ (54) 3286-1744 (90 lugares). 19h/0h. Aberto em 1989. $$$$

Chez Lys Blanc
É fácil ficar atraído pela fachada da casa, na rua principal de Canela. As extensas paredes de vidro revelam de longe o salão decorado com móveis de estilo provençal e lustres de cristal. O menu franco-suíço é comandado pela sequência de fondue, que custa R$ 109,90 por pessoa. Inicia-se com queijo suíço, que pode ser experimentado com brócolis, cenoura e batata. Em seguida, filé-mignon, frango e suíno são grelhados na pedra. Dez molhos, entre eles tártaro, mostarda escura com mel, geleia de pimentão vermelho, geleia de abacaxi, cebola caramelizada e pasta de alho, acompanham o serviço. Panelinhas com chocolate ao leite dispostas com marshmallow, frutas e waffle compõem a linha doce. No serviço à la carte é pedido frequente o filé-mignon com geleia de pimentão vermelho (R$ 74,50), oferecido com batata gratinada e arroz com amêndoas. Avenida Osvaldo Aranha, 437, centro, Canela, ☎ (54) 3282-3083 (72 lugares). 19h/23h30 (fecha seg.). Aberto em 2013. $$$

Le Chalet de la Fondue
Ao perceber que as pessoas gostavam de compartilhar mais de um tipo de fondue nas suas refeições, o garçom Luiz Tomasini teve a ideia de criar uma sequência da receita. No início dos anos 1980, ele apostou no plano, deixou seu ofício e tornou-se proprietário de um dos primeiros restaurantes franco-suíços da região. Hoje, a fórmula que contempla três variedades de fondue é a especialidade da casa de madeira com vista para dois cartões postais de Gramado: as igrejas Matriz e do Relógio. A R$ 146,00 por pessoa, a sequência tradicional começa com a versão de queijo, feita com uma mescla de emmental, cobocó, gruyère e maasdam. Pães, brócolis e goiabada acompanham o creme, que também leva alho e vinho branco na preparação. Conforme o método clássico, a fondue de carne consiste em pedaços de filé-mignon e frango fritos. O incremento dessa etapa são os quinze molhos colocados sobre a mesa, entre eles tártaro, rosé e ervas finas. A receita de chocolate, que mistura os tipos ao leite e amargo, chega em panela de barro para encerrar o festim. Nove frutas, wafer, merengue e marshmallow escoltam o creme. Menos calórica, a opção de sequência em que as carnes são preparadas sobre uma pedra quente custa R$ 136,00 por pessoa. A casa ainda serve a fondue chinoise (R$ 168,00, para duas pessoas), na qual pedaços de filé-mignon cozinham em caldo de carne, e a fondue de camarão (R$ 218,00, para dois). Avenida das Hortênsias, 1297, centro, Gramado, ☎ (54) 3286-2474 (150 lugares). 11h/15h e 18h/1h (sex., sáb. e dom. 11h/1h). Aberto em 1982. $$$$

La Famille de Gazon
O estabelecimento fundado pela família Tomasini é um dos locais mais tradicionais de Gramado. A sequência de fondue tem bom custo-benefício e sai a R$ 45,00 por pessoa. Consiste em três sabores: queijo, carnes e chocolate. É iniciada com fondue de queijo, elaborado com gruyère e emmental. Fazem parte dos acompanhamentos pão francês, batata-inglesa, cenoura, brócolis e minimilho. A versão com filé-mignon, filé de frango e suíno é degustada com dez molhos. Já a fondue de chocolate vem com sete frutas, waffer e marshmallow. Outra possibilidade é o menu à lá carte. Consta na lista a truta à belle meunière (R$ 62,00), assada e ao lado de batata rústica, alcaparras e cogumelos-de-paris. A carta de vinhos tem exemplares como o cabernet sauvignon Casa Valduga Elegance (R$ 84,00). Avenida das Hortênsias, 1008, centro, Gramado, ☎ (54) 3286-9510 (80 lugares). 12h/15h e 19h/23h30. Aberto em 1992. $$

Le Petit Clos
É novidade a fondue no vinho. Tirinhas de filé-mignon são cozidas no molho da bebida. Depois, há a possibilidade de misturá-las a molhos como vinagrete, tártaro, crem, mel com mostarda e gengibre e chutney de manga. Bastante popular, o festival custa R$ 149,00 por pessoa e inclui as clássicas fondue de queijo, carne e frango e de chocolate. O cardápio ainda contempla receitas como o camarão ao molho de espumante acompanhado de arroz (R$ 148,00). Os pratos podem ser harmonizados com o vinho que leva o nome da casa, de variedades cabernet sauvignon ou merlot, fabricado pela vinícola Família Bebber (R$ 92,00). Rua Demétrio Pereira dos Santos, 599, Planalto, Gramado, ☎ (54) 3286-1936 (84 lugares). 19h/23h30. Aberto em 1977. $$$$