Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Os melhores bares com música ao vivo em Recife

Confira os endereços da categoria que valem a visita

Por Beatriz Malheiros, Daniel Salles, Gabriela Lopez, Jennifer Detlinger, Marcela Balbino, Paula Melo e Rosália Vasconcelos - Atualizado em 3 set 2017, 20h32 - Publicado em 26 ago 2017, 04h00

Canela Gastrobar – eleito o melhor bar de música ao vivo pelo júri

Foi graças aos domingos, quando bandas de blues se encarregam da trilha sonora a partir das 20h30 e raramente uma mesa fica vazia, que a casa virou sinônimo de música ao vivo. Mas há boas atrações também em outros dias da semana. As sextas e os sábados são reservados para apresentações de grupos de rock e, às quintas, conjuntos de bossa nova e de blues alternam-se a cada quinze dias, sempre no mesmo horário — o couvert artístico oscila entre R$ 10,00 e R$ 15,00. Os shows ocorrem na varanda envidraçada, por isso o ambiente mais disputado. A quem chega tarde restam o salão, tomado por mesas altas, e o pátio externo. Lá fica o pé de canela que dá nome ao bar e espalha no ar um ligeiro aroma da especiaria. A clientela, em geral dos 25 anos para cima, costuma circular pela casa empunhando drinques da moda como o gim-tônica (R$ 21,00) e o aperol spritz (R$ 20,00). Para quem gosta de cerveja artesanal, há a lager da Capunga (R$ 16,00, 600 mililitros) e a helles da Ekäut (R$ 19,00, 500 mililitros), ambas produzidas em Pernambuco. A seção de comida do cardápio lista entradas como palitos de jamón serrano com mussarela de búfala e molho pesto (R$ 27,00) e bruschetta de presunto de Parma com mussarela (R$ 19,00). Os que aproveitam a visita para jantar vão geralmente de turnedô ao molho rôti guarnecido de talharim com mostarda de Dijon (R$ 43,00) ou camarões salteados com batata, ratatouille e arroz com amêndoas (R$ 42,00).

Rua Caio Pereira, 100, Rosarinho, 3241-5604 (90 lugares). 18h/2h (dom. 16h/1h; fecha seg.). Aberto em 2012.

2º Lugar – Estelita

Publicidade

Desde que surgiu, em 2014, este é um endereço notável quando o assunto é música ao vivo no Recife. Atrações de vários estilos se revezam às sextas e aos sábados. A casa só abre nesses dias, quando recebe shows de blues e de rock mais pesado, passando por pop rock, ritmos latinos e tributos a bandas do passado. Ajuda a adentrar a madrugada o hambúrguer de brócolis com mussarela, catupiry, salada de alface, tomate e cebola caramelizada (R$ 20,00). No balcão, são sempre requisitadas a caipirinha de limão (R$ 9,00) e as long necks de Budweiser, Heineken (R$ 7,00) e Desperados (R$ 10,00).

Rua Saturnino de Brito, 385, Cabanga, 3127-4143 (386 lugares). Sex. e sáb. 22h/5h (qui. e dom. abre ocasionalmente). Aberto em 2014.

 

3º Lugar – Texas Café Bar

Publicidade

Nas noites de quinta, a partir das 20h, este bar no térreo do histórico Edifício Texas abre espaço para bandas autorais e artistas da cena independente. Da cozinha comandada pelo chef Claudio Kovacic sai esfiha libanesa feita de massa de pão de fermentação natural e recheada de ricota, azeite de oliva e espinafre (R$ 7,10 a unidade). A cerveja é Heineken (R$ 6,00, 355 mililitros) e a caipirinha de limão leva cachaça mineira Mata Verde (R$ 12,00). No almoço, há pratos individuais — guarnecida de batata-doce na chapa e bolinhos de arroz, a coxa de frango capão ao mel, alho e pimenta custa R$ 20,00.

Rua Rosário da Boa Vista, 163, Boa Vista, 3031-9274 (40 lugares). 11h/21h (qui. até 1h; sáb. 12h/18h; fecha dom.). Aberto em 2015.

 

Bodega Estelita

Publicidade

O Grupo Estelita (Estelita e Quintal Estelita) comprou a Bodega do Futuro e mudou seu nome, imprimindo ar retrô ao ambiente de tijolos aparentes e madeira de demolição. Vendida por unidade, a coxinha recheada de frango, cheddar e bacon custa R$ 12,00. Para fomes maiores, a sugestão é o hambúrguer classic, que tem blend bovino de 200 gramas, bacon, cheddar caseiro, tomate, alface e cebola caramelizada (R$ 22,00, no pão bola com gergelim). Da carta de drinques, os coquetéis la lombra (tequila, Cointreau e curaçau blue) e santiago (uísque Chivas, purê de maçã, sumo de limão e mel) são vendidos a R$ 12,00 e R$ 17,00, respectivamente. Às quartas, fãs de futebol emendam a transmissão da partida. O brega tem vez às quintas, quando toca o DJ Bregoso, e os embalos de sexta ficam a cargo de bandas variadas, em geral, de forró.

Rua do Futuro, 181, Graças, 3127-4143 (200 lugares). 19h/3h (sex. e sáb. até 4h30). Aberto em 2013.

 

Casbah

Publicidade

Uma autêntica casa árabe do século XVII abriga este bar de cozinha também árabe e que, quinzenalmente, oferece apresentações de música experimental. A porção arabidinho traz homus, frango ao curry, babaganuche, salada e pão sírio (R$ 24,00, para duas pessoas). Em seguida, a picanha de cordeiro marinada com ervas e mel acompanha fios de batata cozida (R$ 38,00). Para beber, chope IPA da pernambucana Turvalina (R$ 10,00) e caipirinha de cachaça mineira Salinas (R$ 12,00).

Rua 27 de Janeiro, 7, Carmo, Olinda, 98513-3525 (80 lugares). 19h/1h (qua. até 23h; dom. 16h/22h). Aberto em 2015.

 

Downtown Pier

Publicidade

Às quartas e às quintas, a festa começa às 20h, com banda ao vivo e DJ. Às sextas e aos sábados, o som tem início às 22h30. O valor do couvert é o mesmo em todas as noites: R$ 10,00. O setlist tem house, rock nacional e pop rock. A cerveja Heineken em garrafa (R$ 14,60, 600 mililitros) ou no formato chope (R$ 10,00, 330 mililitros) pode escoltar petiscos na linha do filé do marujo, um filezinho ao molho madeira mais batata frita e cubos de queijo provolone. Ele custa R$ 54,90 e é suficiente para até quatro pessoas. Outra sugestão compartilhável é o escondidinho de camarão salteado no azeite de ervas e coberto por creme de macaxeira gratinado (R$ 48,40). Lá tem rodízio de chope Amstel de segunda a quinta (R$ 39,90, 15h/22h) e de sexta a domingo (R$ 45,00, 14h/18h).

Avenida Alfredo Lisboa, s/nº, Armazém 13, loja B, Bairro do Recife, 3424-6167 (250 lugares). 11h/0h (seg. e ter. até 22h; sex. e sáb. até 3h). Aberto em 2014.

 

Downtown Pub

Publicidade

A balada tradicional completa duas décadas com programação variada que perpassa por gerações. Duas bandas sobem ao palco por noite e, nos intervalos, o DJ Kooper comanda a música. Às sextas, sons de grupos como Maroon 5, Arctic Monkeys e The Killers embalam o público. Aos sábados, são os clássicos do rock que animam um pessoal na faixa dos 30 anos. A casa também enche na festa bimestral Hot Night, uma coletânea de hits dos anos 1980 e 1990. Têm boa procura, no bar, a versão long neck da Budweiser (R$ 10,00 a garrafa; R$ 80,00 o balde com dez) e as doses de uísque Johnnie Walker Red Label (R$ 14,00) e Black & White (R$ 12,00). Pagam-se R$ 48,00 para petiscar filé-mignon com batata frita. A porção de espetinho de frango sai a R$ 17,50 (quatro unidades). O ingresso custa R$ 40,00.

Rua Vigário Tenório, 105, Bairro do Recife, 3424-5731 (500 lugares). 22h/5h (fecha dom. a qui.). Aberto em 1997.

 

Herculano Bar e Comedoria

Publicidade

As noites de sexta são dedicadas ao forró. Aos sábados, a programação alterna pop rock, forró e sertanejo. O cardápio traz, entre os petiscos, a empada de camarão (R$ 9,90) e a coxinha de frango defumado com cream cheese (R$ 9,90). Sugestão para o apetite de até três pessoas, o camarão na cerveja custa R$ 34,90. Portáteis, as long necks de Budweiser (R$ 8,25) e Corona (R$ 10,90) ajudam a se movimentar pelo salão. Também animam o espírito as caipirinhas de limão, uva e morango (R$ 12,95 cada uma). Às sextas, o ingresso é vendido a R$ 40,00 (homens) e R$ 30,00 (mulheres). Aos sábados, é cobrado couvert (R$ 20,00).

Avenida Herculano Bandeira, 97, Pina, 3038-0001 (250 lugares). 21h/5h (sáb. 18h/5h; fecha dom. a qui.). Aberto em 2013.

 

Mafuá do Januário

Publicidade

Em uma casa da década de 50, o proprietário e arquiteto Raphael Campos misturou móveis antigos e de madeira de demolição com peças contemporâneas e artesanato. De quarta a sábado, predomina um clima de paquera ao som de rock, jazz, soul e blues ao vivo. O preço do couvert é R$ 8,00. São ideias de comida o bolinho de feijoada mais geleia de pimenta caseira (R$ 22,90, cinco unidades) e o filé-mignon alto, em peça de 400 gramas, com parmesão, crosta de farinha panko e alho e batata rústica (R$ 40,90). Os pratos podem ser apreciados ao lado dos mais de 100 rótulos de cerveja, como a american lager pernambucana Capunga (R$ 13,00, 600 mililitros). A caipirosca de frutas vermelhas custa R$ 12,00.

Rua Capitão Zuzinha, 184, Boa Viagem, 3462-5652 (200 lugares). 18h/0h (sex. e sáb. a partir das 17h; fecha dom.). Aberto em 2015.

 

Quintal Estelita

Publicidade

As irmãs Justina e Kamile Cebataviciute, da Lituânia, comandam este bar ao ar livre enfeitado com tapeçaria colorida e luminárias orientais. De quinta a domingo, o palco em forma de concha recebe pocket shows de bandas locais. Aos sábados, quem dá o tom é o grupo Forró de 1 Real. Dá para repor as energias em um dos sete tipos de hambúrguer: o house tem 200 gramas de blend bovino mais bacon, abacaxi grelhado, cebola caramelizada e molho barbecue; o veggie é feito de mussarela e cream cheese empanados mais tomate, alface, cebola caramelizada e maionese de alho (R$ 22,00 cada um; ambos no pão bola com gergelim). Fazem sucesso o coquetel mon amour, que leva vodca Absolut Berri Açaí, morango, uva e manjericão (R$ 17,00), e as long necks de Heineken (R$ 7,00) e Capunga (R$ 16,90).

Rua Pinhal, 4, Boa Viagem, 3032-0609 (350 lugares). 18h/0h (sex. e sáb. até 3h; fecha seg.). Aberto em 2015.

 

Sala de Reboco

Publicidade

Eis o destino certo para quem não abre mão do forró pé de serra nordestino. Quem anima a noite, a partir das 22h, são artistas do naipe de Petrúcio Amorim, Maciel Melo, Paulinho Leite e Ivan Ferraz. Encorajam os primeiros passos a long neck da Devassa (R$ 7,00) e a caipifruta de vodca Orloff com cupuaçu (R$ 8,00). Entre um e outro arrasta-pé, forram a barriga a carne de sol em cubos na manteiga de garrafa e cebola, servida com batata frita (R$ 28,00, para três pessoas), e o queijo de coalho assado mais azeitona e orégano (R$ 15,00, para duas pessoas).

Rua Gregório Júnior, 264, Cordeiro, 3228-7052 (1 300 lugares). 21h/4h (fecha. dom. a qua.). Aberto em 1999.

 

Texas Ranch Bar

Publicidade

O ritmo sertanejo dá o tom no armazém 13 do Porto do Recife. Atrações como as duplas Wagner & Berg e Kelly & Flavia Reis se apresentam a partir das 21 horas, às sextas e aos sábados. Entre as porções mais pedidas está o camarão marinado no chope, empanado em farinha panko (R$ 59,90, para três pessoas). O chope é Itaipava (R$ 9,90, 300 mililitros) e tem long neck de Miller (R$ 9,90).

Avenida Alfredo Lisboa, s/nº, Armazém 13, Recife Antigo, 3224-9218 (300 lugares). 11h/0h (sex. a dom. até 5h). Aberto em 2017.

Publicidade