Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Nick Carter, do Backstreet Boys, é preso após briga em bar

Cantor e amigo se envolveram em confusão com funcionários do local onde bebiam

Nick Carter, integrante da boy band Backstreet Boys, foi preso na noite desta quinta-feira após se envolver em uma briga de bar. Carter e o amigo Michael Papayans brigaram com os atendentes de um estabelecimento em Key West, na Flórida. Segundo o site americano TMZ, os dois estavam bebendo demais e os garçons passaram a se recusar a servir mais álcool aos amigos. Carter e Papayans protestaram e acabaram expulsos do bar. Foi então que as coisas acabaram ficando mais violentas, com os dois agredindo os atendentes. De acordo com testemunhas ouvidas pelo TMZ, Papayans estava com as mãos, rosto e joelhos sujos de sangue.

LEIA TAMBÉM:

Backstreet Boys, os tiozinhos do pop, fazem show nostálgico em SP

Backstreet Boys processam ex-empresário em US$ 3,4 milhões

Backstreet Boys minimizam conquistas do One Direction

Carter ainda está sob custódia na cidade americana, esperando o pagamento da fiança, de valor não divulgado. Esta não é a primeira vez que o cantor é preso. Em janeiro de 2002, ele acabou atrás das grades pelo mesmo motivo, após uma briga em um bar na cidade de Tampa, também na Flórida. Três anos depois, ele acabou detido novamente, em março de 2005, quando foi pego dirigindo embriagado em Huntington Beach, na Califórnia.

(Da redação)