Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Na véspera do Rock in Rio, cidade se torna a capital mundial da tietagem

Chegada de astros do festival movimenta grupos de fãs e transforma hotéis e pontos turísticos em locais de caça aos autógrafos

Na véspera da abertura do Rock in Rio, a cidade assume a condição de capital mundial da tietagem. Em frente ao hotel Fasano, em Ipanema, fica difícil saber para quem o público está gritando, e os caçadores de autógrafos sabem que a qualquer momento uma van ou um carro de vidros escuros pode esconder um astro da música.

Os dançarinos de Rihanna se aproveitaram da histeria, e desceram para fazer a alegria dos fãs, enquanto a cantora assistia a tudo da sacada do hotel. Rihanna, por enquanto, é a campeã no quesito simpatia: já passou pela praia, sorriu, acenou e fez corações para o público.

A cantora Katy Perry também chegou de bom humor – pelo menos assim pareceu, ao desembarcar com máscaras. Na tarde desta quinta-feira, ela foi à Cidade do Rock com músicos de dançarinos para uma passagem de som. Quem acabou se divertindo foram os trabalhadores que concluem os preparativos para o festival. A cantora está hospedada no Copacabana Palace, destino também de uma das maiores estrelas do festival, na noite de abertura: Elton John.

O burburinho aumentou em frente ao Fasano no fim da tarde, com a chegada dos quatro músicos do Red Hot Chili Peppers. O vocalista Anthony Kiedis, sempre com a filha no colo, e o performático baixista australiano Michael Flea Balzary – cultuado tanto por seu visual extravagante quando por seus dotes musicais – foram os mais festejados.

Flea foi para a sacada de sua suíte assim que chegou, e saboreou uma água de coco, enquanto a mulher, de short, admirava a paisagem da orla de Ipanema.

A banda Metallica é esperada para a madrugada desta sexta no hotel Fasano, onde já se encontra toda a equipe de Elton John, que ocupa mais de dez quartos. Mas ‘sir’ Elton John optou pelo Copacabana Palace.