Clique e assine a partir de 9,90/mês

‘Mulheres Ricas’: todas contra Val Marchiori

Lideradas pela advogada Regina Manssur, integrantes da segunda temporada decidem ignorar os ataques da socialite. "Esta edição é nossa"

Por Da Redação - 11 jan 2013, 16h29

Se a primeira temporada de Mulheres Ricas foi marcada pela polaridade entre Val Marchiori e Narcisa Tamborindeguy, a segunda edição, que estreou na última segunda-feira, promete ser bem diferente, apesar da presença da dupla no elenco. A advogada Regina Manssur diz que as ricas de 2013 se uniram contra os ataques recorrentes de Val e decidiram ignorá-los. “Nós não vamos rebater as provocações, esta edição é nossa.”

LEIA TAMBÉM:

‘Censo Mulheres Ricas’: Participantes têm até dez banheiros em casa

‘Mulheres Ricas’: Cozete Gomes tem 400 pares de sapatos

Continua após a publicidade

Val e Regina já tinham se estranhado antes de o programa estrear. Em seu blog no site da revista VEJA SÃO PAULO, Val desdenhou da pensão de 12 mil reais recebida por Andréa Nóbrega do ex-marido, o humorista Carlos Alberto de Nóbrega. “A Andréa de Nóbrega podia explicar como é possível ser rica no Brasil com 12 mil reais por mês. Ela se vira para pagar tudo, como mãe e mulher independente, e ainda tem uma vida de rica? Deve ser por isso que ela chama Valentino de “Valentin”: o máximo que ela conseguiu comprar em uma lojinha de bairro em Alphaville.”

Antes disso, ela já havia chamado Andréa de “barraqueira” e ter dado a entender que Regina está passada da idade para aparecer na TV. “Vamos dar um ‘tchau’ para o ‘hello’ da Val e ela vai ficar falando sozinha no deserto”, diz Regina.

Publicidade