Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mostra no CCSP reúne filmes sobre assuntos pesados

Por AE

São Paulo – Com a justificativa de que se tratava de um filme político, o diretor sérvio Srdan Spasojevic produziu uma das obras mais odiosas do cinema atual: “A Serbian Film – Terror Sem Limites” (2010). O longa mostra cenas de tortura, incesto, necrofilia, pedofilia e estupro de um recém-nascido. O resultado, como se poderia esperar, foram reações coléricas ao redor do mundo. O longa estava programado para ser exibido durante a mostra RioFan, em julho, na Caixa Cultural, no Rio de Janeiro, mas por ser muito polêmico, foi retirado da programação do festival.

O Centro Cultural São Paulo, se aproveitando dessa polêmica, promove de hoje até o dia 20 a mostra “Antes Que Proíbam”, reunindo títulos clássicos e atuais que tratam do tema como pedofilia, violência doméstica, estupro e tortura. Ironicamente, “Serbian Film” não está na programação, apesar dos curadores terem negociado a sua exibição.

Dentre os títulos que serão exibidos estão clássicos como “A Menina do Fim da Rua” (1976), de Nicolas Gessner, “Lolita” (1962), de Stanley Kubrick, e “O Lenhador” (2004), de Nicole Kassell. Na programação estão filmes norte-americanos, canadenses, mexicanos, italianos, suecos e australianos.

A seleção da mostra, apesar de conter longas com tramas um tanto espinhosas, não chega nem aos pés da agressividade de “Serbian Film”. Mas traz títulos que dificilmente seriam reexibidos nas telonas, como é o caso de “Lolita”. A restrição de idade para a mostra é alta: 17 anos. Os filmes serão exibidos na Sala Lima Barreto.

Hoje, às 16h, a mostra será aberta com “A Menina do Fim da Rua”. O filme conta no elenco com Jodie Foster interpretando uma jovem de 13 anos que vive numa casa onde mora um pedófilo. Em seguida, às 18h, será exibido “A Adolescente” (1960), de Luis Buñuel. O longa conta a história de uma garota que é abusada sexualmente por um homem até a chegada de um fugitivo da polícia e um padre. O dia será encerrado, às 20h, com a exibição de “Lolita”, um dos clássicos de Kubrick, baseado no romance de Vladimir Nabokov.

Amanhã a programação também contemplará três filmes. Começando às 18h com “O Que Fiz Eu Para Merecer Isso?” (1984), de Pedro Almodóvar, que conta a história de uma mulher viciada em remédios e casada com um homem infiel e violento. Em seguida será exibido “O Lenhador”. Este longa é o mais recente da mostra, que tem Kevin Bacon no elenco. O tema também trata sobre pedofilia. Durante a mostra serão realizados ainda debates sobre a censura no cinema. As informações são do Jornal da Tarde.

Antes Que Proíbam – Centro Cultural São Paulo (Rua Vergueiro, 1000 – Paraíso). Tel. (011) 3397-4002. R$ 1. Até 20/10. Programação completa: http://www.centrocultural.sp.gov.br.