Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Morre Alan Rickman, o Snape de ‘Harry Potter’, aos 69

O ator britânico Alan Rickman morreu aos 69 anos. Segundo o jornal inglês The Guardian, que recebeu a confirmação da família do ator, ele lutava contra um câncer. Rickman deu vida a diversos personagens do cinema, porém, arrebanhou fãs com o papel do professor Snape, na franquia Harry Potter.

Para o público adulto, o ator ficou famoso em 1988, com o papel do vilão Hans Gruber, de Duro de Matar, longa estrelado por Bruce Willis. Ele também deu vida ao malvadão Nottingham, no longa Robin Hood: O Príncipe dos Ladrões (1991).

Entre seus papeis mais recentes estão Ronald Reagan, em O Mordomo da Casa Branca (2013), King Louis XIV, em Um Pouco de Caos (2014) e a voz da lagarta na franquia Alice no País das Maravilhas, que ganhará uma sequência em 2016.

Histórico – Alan Sidney Patrick Rickman nasceu em 21 de fevereiro de 1946, em Londres, Inglaterra. Ele estudou design gráfico em Chelsea College of Art and Design, onde ele conheceu sua futura esposa Rima Horton, em 1965 – os dois ficaram juntos desde então, mas oficializaram a união apenas em 2012. Ele abriu uma empresa na área, chamada Graphiti, onde passou anos antes que sua paixão pelo teatro o levasse à tradicional escola de arte dramática inglesa Royal Academy of Dramatic Art. Ele se formou na instituição aos 26 anos e, desde então, perseguiu a carreira de ator.

Ao longo de sua carreira, Rickman atuou no teatro, televisão e cinema, e também se aventurou por trás das câmeras como diretor. Seu primeiro trabalho que chamou a atenção foi na Broadway, em 1987, adaptação da história Ligações Perigosas, que lhe rendeu uma indicação ao Tony Awards – o Oscar do teatro. Já no cinema, ele estreou ao lado de Bruce Willis em Duro de Matar (1988), como o vilão Hans Gruber. A vilania, aliás, se tornaria uma de suas especialidades no cinema. Tanto que ele ganhou o Globo de Ouro de melhor ator pelo seu papel como o protagonista instável e por vezes assustador do telefilme Rasputin (1996).

Além dos malvados, ele também deu vida à personagens românticos, como o instrumentista Jamie, em Um Romance de Outro Mundo (1990), e o Coronel Brandon, em Razão e Sensibilidade (1995). Ele também se aventurou na comédia com longas como Dogma (1999), Heróis Fora de Órbita (1999), Quase Deuses (2004) e O Guia do Mochileiro das Galáxias (2005). Rickman também soltou a voz no musical of Sweeney Todd: O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet (2007), de Tim Burton.

Foi a partir de 2001 que Rickman conquistou uma nova plateia: os adolescentes. O ator britânico foi o responsável pelo papel do ambíguo Severus Snape na franquia Harry Potter, na qual ficou durante dez anos, até o último filme Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2 (2011).

Responsável por dar voz à personagem Lagarta Azul, na franquia Alice no País das Maravilhas, o ator volta ao cinema este ano com a sequência do longa, Alice Através do Espelho, previsto para estrear em maio.