Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Moma exibe emblemática obra inspirada em avião de guerra

Nova York, 25 jan (EFE).- A monumental obra do artista James Rosenquist, intitulada ‘F-111’ e inspirada no caça de mesmo nome construído pelos Estados Unidos na Guerra do Vietnã, será exposta a partir desta quarta-feira no Museu de Arte Moderna (Moma) de Nova York.

A trabalhada obra, composta por 23 painéis de grandes dimensões, envolvem o espectador com recriações ‘dos símbolos das implicações econômicas da guerra’, já que o inovador avião F-111 foi financiado com os impostos dos cidadãos, detalhou o Moma em comunicado.

Criada em 1964, a obra assinada por Rosenquist questiona ‘a conivência entre a máquina de morte do Vietnã, o consumismo, os meios de comunicação e a publicidade’. Na tela, o artista abusa das sobreposições de peças de fuselagem, imagens de produtos comerciais e referências bélicas.

Com ‘surpreendentes’ perspectivas, Rosenquist retrata um secador com forma de bala flutuando sobre a cabeça de uma jovem ou uma nuvem atômica de cogumelos congelada por trás de uma sombrinha, características fundamentais para a elaboração do movimento Pop Art americano.

Esta monumental composição, de mais de 25 metros de cumprimento, foi elaborada para que o espectador pudesse se sentir dentro da própria tela, a qual ficará exposta no Moma até 30 de julho. EFE