Clique e assine a partir de 9,90/mês

Ministério da Justiça sobe classificação indicativa de ‘Por Amor’

Novela de Manoel Carlos passará a ser recomendada apenas para maiores de 12 anos por apresentar 'drogas lícitas, conteúdo sexual e violência'

Por Redação - Atualizado em 16 jul 2019, 16h57 - Publicado em 16 jul 2019, 12h17

A classificação indicativa da novela Por Amor, exibida atualmente no Vale a Pena Ver de Novo, na Globo, deixará de ser livre e passará a ser não recomendada para menores de 12 anos, por ordem do Ministério da Justiça. O despacho foi publicado nesta terça-feira, 16, no Diário Oficial da União. A mudança ocorre porque a história de Manoel Carlos apresenta “drogas lícitas, conteúdo sexual e violência”.

Exibida originalmente entre 1997 e 1998 na faixa das 20h, a classificação original do folhetim era livre por causa dos critérios técnicos da época. Contudo, após nova análise, o Departamento de Promoção de Políticas de Justiça constatou que “a exibição de cenas contendo as tendências de ato violento, consumo de droga lícita, lesão corporal, apelo sexual, insinuação sexual, nudez velada, estigma/preconceito, dentre outras” são indicativos de classificação mais elevada, de acordo com novos critérios de classificação estabelecidos.

O despacho determina que a revisão seja implementada pela Globo dentro do prazo de cinco dias, exibindo a nova classificação em todos os capítulos, como acontece usualmente nas novelas.

Publicidade