Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Maurício Destri nega namoro com Bruna Marquezine

Em entrevista à 'Cosmopolitan', ator afirma que o público de ‘I Love Paraisópolis’ acreditou tanto no casal que pensa que eles vivem um romance também fora das telas

Maurício Destri negou que o romance de seu personagem na novela I Love Paraisópolis, Benjamin, e o de Bruna Marquezine, Mari, tenha saído das telas para a vida real. Em entrevista para a edição de agosto da revista Cosmopolitan, o ator afirmou que a química que o casal tem diante das câmeras fez com que as pessoas acreditassem em um namoro entre eles. “Tudo entre nossos personagens foi tão bem construído, tão sincero, que as pessoas acham que é real”, disse. “O público quer que essa história aconteça. É bom. O sucesso da novela não é só por isso, mas também por isso.”

Leia também:

Bruna Marquezine é pedida em casamento por Mauricio Destri… na novela

Bruna Marquezine passa despercebida em trailer de filme americano

Sogra entrega namoro de Bruna Marquezine e Mauricio Destri

Os rumores de que Destri e Bruna estão juntos estão circulando há meses, mesmo antes de I Love Paraisópolis estrear. Os dois sempre negaram o romance, mas se viram contrariados quando participaram do programa Mais Você, de Ana Maria Braga, em junho. Eles tentaram evitar o assunto durante o matinal, mas a mãe do ator, Lucrécia Alves, deu um depoimento ao programa, afirmando ser sogra de Bruna. “Ser mãe do Maurício é muito bom, é uma satisfação muito grande, e ser sogra da Bruna Marquezine é melhor ainda. Espero que esse namoro dure após o término da novela”, disse Lucrécia.

À revista, o ator também falou sobre relacionamentos em geral e disse rejeitar traições. “Traição não cabe numa relação. Traiu, pode seguir sua vida.” Apesar do ritmo intenso das gravações da novela das sete, ele afirmou estar aberto a iniciar uma relação e mostrou que é tão romântico quanto seu personagem. “Tem que ser companheira. Amor é parar de olhar um pouco pra você e olhar para o outro (…) Eu tenho uma necessidade cruel de me sentir amado, de ouvir ‘Eu te amo’. Não acredito em relação perfeita, mas quando estou em uma quero que seja verdadeira.”

(Da redação)