Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Matt Damon e Ben Affleck adotarão cláusula de inclusão em filmes

Conceito defende que o elenco das produções deveria ser selecionado de modo a refletir a demografia do local onde a história se passa

Frances McDormand falou e Ben Affleck e Matt Damon escutaram. Após a atriz discursar na cerimônia do Oscar sobre a possibilidade da adoção de cláusulas de inclusão nos filmes, os dois atores disseram que vão aderir à medida em todas as suas produções futuras.

O conceito defendido por Frances foi cunhado pela professora universitária Stacy L. Smith para sugerir que o elenco dos filmes deveria ser selecionado de modo a refletir a demografia do local onde a história se passa.

Fanshen Cox DiGiovanni, membro da equipe da produtora Pearl Street Films, fundada por Affleck e Damon, escreveu em seu Twitter que a companhia passará a usar a medida e parabenizou o ator Michael B. Jordan por fazer o mesmo em sua produtora.

“Michael B. Jordan, obrigado por incentivar maior inclusão na indústria. Em nome da Pearl Street Films, vamos adotar a cláusula de inclusão em todos nossos projetos daqui em diante”, disse Fanshen.

Paul Feig, diretor de Missão Madrinha de Casamento (2011) e As Bem-Armadas (2013), também anunciou que vai adotar a cláusula em suas produções para a TV e o cinema.