Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Macaulay Culkin diz que pai era abusivo: ‘Era um homem mau’

Segundo ele, o pai, um ator amador e dançarino, era 'um homem ruim' e sentia inveja do sucesso do filho de dez anos

Nesta segunda-feira, o humorista Marc Maron (da série Glow) recebeu Macaulay Culkin em seu podcast, o WTF, e falou com ele sobre o tempo em que fazia sucesso com os filmes Esqueceram de Mim Meu Primeiro Amor. Aos 37 anos e vivendo na França há quatro anos, o ex-astro mirim confirmou que está aposentado da vida de ator e contou da violência física e psicológica que sofreu na infância.

A pior lembrança é do pai, um ator amador e dançarino. Eles nunca se deram bem, apesar de ter sido o pai que levou o menino para audições de filmes e séries. “Ele era um homem mau, abusivo. Abusava de mim fisicamente e psicologicamente. Poderia até te mostrar todas as minhas cicatrizes se eu quisesse”, desabafou. “Tudo que ele tentou fazer na vida inteira dele, alcancei aos 10 anos. Ele tinha certa inveja.” Culkin não tinha nem 10 anos quando rodou o primeiro Esqueceram de Mim, em 1990.

Veja também

Segundo ele, seus pais não estavam preparados para ter filhos. “Eles nunca foram casados, mas se juntaram”, recorda. “Éramos sete crianças em um apartamento de quatro cômodos. Eu e meus irmãos falávamos para minha mãe: ‘Que raios você estava pensando?’. Acredite em mim, ela não tinha condições de ter sequer um filho. Eu fui o terceiro filho e acabei me dando bem”, disse o ator.

A briga entre os pais pelo sucesso do filho foi o fim de tudo. O que ele vê como algo positivo, pois já pensava em se afastar de Hollywood. “Eu falei: ‘Estou fora, gente, espero que vocês tenham ganhado dinheiro porque não terão mais nenhum centavo vindo de mim.”