Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Heitor Dhalia vai dirigir filme baseado na HQ ‘Tungstênio’

Livro de Marcello Quintanilha que dá origem ao longa já ganhou prêmio internacional

O cineasta Heitor Dhalia, que já fez um filme, Nina, inspirado em Crime e Castigo, o clássico de Dostoiévski, e no romance O Cheiro do Ralo, do escritor e quadrinista Lourenço Mutarelli, agora vai adaptar uma HQ para o cinema. Tungstênio, seu novo longa-metragem, é baseado no belíssimo álbum de mesmo nome de Marcello Quintanilha.

LEIA TAMBÉM:
Heitor Dhalia conta como é trabalhar em Hollywood

Ambientada em Salvador, a trama de Tungstênio tem quatro personagens centrais, um policial, a esposa dele, que está decidida a separar-se, um pequeno traficante, e um ex-sargento do exército. A história começa com situações banais, até colocar os quatro personagens diante de conflitos éticos e pessoais, quando é preciso escolher os caminhos que lhes pareçam mais corretos, dada a impossibilidade de seguir à risca suas escolhas racionais.

A HQ de Marcello Quintanilha já foi premiada no Festival Internacional de Quadrinhos de Angoulême, na França, na categoria de melhor thriller. O roteiro ficará por conta dos escritores Marçal Aquino e Fernando Bonassi.

Em paralelo ao novo longa, Dhalia tem outro projeto em andamento: o filme O Diretor, que retratará o envolvimento de um renomado e polêmico diretor de teatro com uma jovem e bonita atriz, durante a remontagem da peça Hamlet, de Shakespeare. O longa discutirá questões como abuso, assédio, difamação e, principalmente, o limite entre o desejo e a ética.