Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

HBO quer mais de sete temporadas de ‘Game of Thrones’

Os roteiristas do seriado já haviam afirmado que esperavam terminá-lo no 7º ano, mas o canal não parece querer se desfazer de sua galinha dos ovos de ouro tão cedo

A um mês da estreia da quinta temporada de Game of Thrones, seus roteiristas, David Benioff e Dan Weiss, e a HBO começam a discutir o inevitável fim da série. Segundo o site da revista americana Entertainment Weekly, a dupla havia expressado o desejo de encerrar o seriado com sete temporadas – mas esse não parece ser a vontade da rede americana que exibe a produção. “Nós vamos ter uma conversa honesta para explorar todos os caminhos possíveis”, disse o presidente de programação da HBO, Michael Lombardo, ao site.

Leia também:

Novo trailer de ‘Game of Thrones’, quinta temporada

‘Game of Thrones’: exposição leva fãs ao topo da muralha

“Essa é a parte mais difícil do que fazemos”, disse Lombardo. “Nós começamos esta jornada junto com David e Dan e essa é a visão deles. Se eu iria amar que a série durasse dez anos, tanto como fã do show, quanto executivo? Obviamente”. Beniof havia afirmado que ele e Weiss sabiam onde queriam chegar com o seriado. “Nós vemos a luz no fim do túnel. Ainda temos um longo caminho a percorrer e muitas coisas para descobrir, mas nós definitivamente sabemos para onde estamos indo e os grandes finais que queremos.”

Sem querer perder uma de suas galinhas dos ovos de ouro, a HBO, no entanto, sabe que prolongar a série sem motivo pode ter um efeito negativo. “Se eles não se sentirem confortáveis ​​indo além de sete temporadas, eu confio neles. O que eu não vou fazer é prolongar uma série que os próprios criadores acreditam ter terminado”, disse Lombardo.

Leia também:

“Queremos terminar ‘Game of Thrones’ como ‘Breaking Bad'”, diz roteirista da série

‘Game of Thrones’ terá pré-estreia em estádio de Nova York

Obama pede para HBO episódios inéditos de ‘Game of Thrones’

De acordo com o site, é possível que a saída para o impasse seja dividir a sétima temporada, indo além dos 10 episódios usuais, e lançá-los em períodos diferentes – metade em um ano, metade em outro, como aconteceu com outras séries de sucesso, como Breaking Bad e Mad Men. Isso daria à série mais episódios sem que a HBO precisasse renegociar o contrato com os atores da produção, que foram escalados até a sétima temporada.

Por enquanto, os roteiristas estão focados em dar à série um final forte. “Nós queremos alcançar o auge”, garantiu Weiss ao site. “Nós não queremos que as pessoas assistam ao último episódio e pensem: ainda bem que acabou.” Benioff completa: “Nós sabemos quanto ainda temos que contar dessa história e não queremos acrescentar mais tempo a isso. É tudo questão de achar o momento certo, que funcione para nós, para a HBO e, principalmente, para o público”.

(Da redação)