Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

George R.R. Martin tietou Stan Lee aos 16 anos com carta

Escritor enviou mensagem ao quadrinista sobre a revista 'O Quarteto Fantástico' - e ainda apontou um erro de continuidade na história

Uma carta de George R.R. Martin, autor de As Crônicas de Gelo e Fogo, para Stan Lee acabou ganhando a internet nesta quarta-feira. O texto foi escrito em 1964, quando o escritor cuja obra inspirou a série Game of Thrones, da HBO, tinha apenas 16 anos, e foi publicada no volume 1, edição 32, da saga em quadrinhos O Quarteto Fantástico.

LEIA TAMBÉM:
Personagem morto na série ‘Game of Thrones’ será importante no 6° livro, diz George R.R. Martin
Morte do produtor George Martin assusta fãs de ‘Game of Thrones’
George R.R. Martin quer saber como Stephen King escreve tão rápido
George R.R. Martin divulga capítulo do novo livro ‘Winds of Winter’

Na mensagem, Martin, então um leitor dos quadrinhos de Lee, elogia o trabalho do americano e de Jack Kirby, antigo ilustrador da Marvel, que morreu em 1994. Após chamar o trabalho da dupla de “sublime”, entretanto, Martin aponta uma falha na história e ainda diz que esse tipo de erro parece ser comum na HQ. “Quando nós vimos o Fantasma Vermelho, na edição 13, ele estava preso na Lua sendo perseguido por três super-macacos, que exalavam ódio e apontavam o raio paralisador do Senhor Fantástico para ele. Agora, de repente, vocês o trouxeram de volta, controlando os macacos, sem nenhuma explicação”, escreveu.

Os cartunistas ainda responderam Martin, dizendo “Você quer a verdade? Nós esquecemos onde tínhamos deixado o Fantasma Vermelho e não tivemos tempo para olhar nas edições anteriores, porque a editora estava nos apressando com o prazo”, em uma resposta soando quase como uma brincadeira.