Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Filme de Zhang Yimou tem estreia cancelada em Berlim

Assessoria alega problemas técnicos em longa que aborda a Revolução Cultural, movimento que questionava o comunismo chinês; mas imprensa cogita censura

O novo filme do cineasta chinês Zhang Yimou, One Second, não estreará na competição do Festival de Berlim, como estava previsto para acontecer daqui a três dias.

Os motivos, segundo a assessoria de imprensa do festival, são técnicos. “Devido a dificuldades técnicas encontradas durante a pós-produção, Yi miao zhong (One Second) de Zhang Yimou infelizmente não poderá ser apresentado”, diz um comunicado no site do evento. “A competição, portanto, terá um total de 16 filmes.”

Dificuldades com pós-produção e atrasos não são raros no cinema chinês, onde cada detalhe passa pela aprovação de um comitê regulador, mas a imprensa internacional cogita a possibilidade de o cancelamento ser resultado do aumento da censura no país asiático no último ano. “A China vem enfrentando um aumento considerável do controle sobre a política e a cultura sob o presidente Xi Jinping, o mais poderoso líder chinês desde Mao”, escreveu a revista americana Variety.

Já a revista The Hollywood Reporter disse que fontes da indústria chinesa garantiram que os problemas não foram técnicos, mas sim relacionados ao conteúdo do filme. One Second narra uma história de amor pelo cinema durante os anos de Revolução Cultural, que questionava o comunismo chinês nos anos 60, um período particularmente sensível da história do país. 

Liu Ye, diretor chinês que está no festival para exibir seu filme The Shadow Play, contou em entrevista ao site China Film Insider que fazer o filme passar pela censura do país foi “a experiência mais difícil de sua carreira” e que todo o processo de aprovação levou dois anos.

No primeiro dia de festival, outro longa chinês chamado Better Days, sobre uma juventude descontente com a situação da China atual, também teve sua estreia cancelada na mostra Geração sob a mesma justificativa  de que não foi completado e aprovado a tempo.

Zhang Yimou é um veterano em Berlim e seu longa de estreia, Sorgo Vermelho, ganhou o Urso de Ouro em 1988. No lugar de One Second, o festival exibirá outro filme do diretor: o sucesso de bilheteria Herói, de 2002, indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro.