Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Filha de Woody Allen rebate acusações de lavagem cerebral

Dylan Farrow, que publicou carta acusando o diretor de ter abusado dela na infância, disse à revista 'People' que as suas lembranças são 'reais'

Dylan, filha adotiva de Woody Allen e Mia Farrow, negou ter sofrido lavagem cerebral por parte de sua mãe para acusar o pai de abuso sexual. Em entrevista à revista People, ela afirmou que suas lembranças são reais e que não foram inventadas e implantadas em sua cabeça por Farrow. Dylan, que foi adotada por Allen e Mia nos anos 1980, publicou no último sábado uma carta aberta no jornal The New York Times na qual afirma que o diretor a molestou sexualmente em 1992, quando ela tinha 7 anos.

“As pessoas estão dizendo que minha ‘mãe diabólica’ fez uma lavagem cerebral em mim porque elas não querem acreditar que meu pai doente seria capaz de me molestar”, disse Dylan à revista. Hoje com 28 anos e vivendo no anonimato, ela fala que resolveu publicar a carta para finalmente contar a sua história, o que não tinha sido capaz de fazer no passado.

Ronan Farrow apoia depoimento de irmã contra Woody Allen

Filho adotivo defende Woody Allen de acusação de abuso

Ao se defender de lavagem cerebral, Dylan se refere principalmente a declarações feitas por seu irmão, Moses. No início desta semana, Moses afirmou, também em entrevista à People, que Mia Farrow fez a cabeça de seus filhos para que odiassem Allen como vingança pelo diretor ter se envolvido com Soon-Yi Previn, filha adotiva da atriz com o pianista André Previn. “É claro que meu pai não molestou minha irmã”, diz Moses. Ele conta que, no dia em que supostamente teria acontecido o episódio de abuso, a família ficou o tempo toda junta em um mesmo ambiente, uma casa de veraneio de Mia Farrow. Hoje, Moses é próximo de Woody Allen e se afastou de Mia e de seus irmãos.

Após a publicação da carta de Dylan, Allen divulgou um comunicado breve no qual dizia que as acusações da filha eram “falsas e infames“. Uma resposta mais elaborada pode ser publicada pelo diretor também no jornal The New York Times em breve.

Dylan Farrow Dylan Farrow

Dylan Farrow (/)

Histórico – A acusação de abuso foi levantada após a separação de Allen e Mia, durante a disputa judicial pela custódia dos seus filhos Dylan e Moses, ambos adotados, e Ronan, considerado filho biológico do casal. Recentemente, a atriz afirmou que Ronan pode, na verdade, ser filho de Frank Sinatra. Allen alegou inocência e foi investigado por abuso sexual infantil, mas os promotores decidiram não uma abrir acusação formal contra ele por falta de provas.

O caso voltou à tona em janeiro quando, durante a transmissão da premiação Globo de Ouro, Ronan usou o Twitter para tocar no assunto. “Perdi o tributo a Woody Allen – eles colocaram aquela parte em que uma mulher confirmou publicamente ter sido molestada por ele aos 7 anos antes ou depois do trecho do filme Noivo Neurótico, Noiva Nervosa?”, ironizou.