Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fernanda Young cutuca juiz pelo Instagram: ‘Mente elástica’

Na rede social, cada post que faz ela insere a palavra 'elástica' -- ou suas derivações

Depois de ganhar a causa e ver sua indenização por danos morais reduzida por ter posado nua, decisão tomada na semana passada pelo juiz Christopher Alexander Roisin, da 11ª Vara Cível de São Paulo, que a definiu de mulher de “reputação elástica”, a escritora Fernanda Young incorporou o conceito de elasticidade às suas publicações na internet. No Instagram, a cada post que faz ela insere a palavra “elástica” (ou suas derivações), numa clara tentativa de cutucar Roisin, contra cuja decisão ela afirmou a VEJA Gente que vai recorrer.

Em uma foto em que aparece com uma cerveja ao lado, na tarde deste domingo, ela escreveu: “Para dar mais elasticidade, corrompendo a dieta: uma cerveja!”. Em outra imagem, em que reproduz um ensaio feito quando estava grávida de suas filhas gêmeas, legendou: “Ao 30 anos, grávida das minhas filhas mais velhas que em breve fazem 17, com a barriga, a mente e o coração elásticos. (foto de JR Duran)”.

A história

Atacada na internet em 2015, a escritora e atriz Fernanda Young entrou com processo contra seu agressor, Hugo Leonardo de Oliveira Correa, que usou um perfil falso no Instagram para chamá-la de “vadia lésbica” e a ofendeu com termos chulos. O juiz Christopher Alexander Roisin deu ganho de causa à atriz e roteirista, uma coautora da série Vade Retro, da Globo, mas estabeleceu um pequeno valor a ser pago pelo réu: 5.000 reais. Isso porque, segundo o magistrado, Fernanda tem uma “reputação elástica”.

“O valor leva em conta ainda o fato da autora ter artisticamente posado nua, de modo que sua reputação é mais elástica, inclusive porque se sujeitou a publicar fotografia fazendo sinal obsceno, publicou fotografia exibindo os seios e não se limitou a defender-se, afirmando que terceiros seriam ‘burros’”, escreveu o juiz na decisão.

 

 

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Que horror, tatuada/pichada.

    Curtir

  2. Gilvani Marinho

    A justiça no Brasil acabou, depois de ver advogadinho do Lula, batendo boca
    com o Juiz Moro,e não sendo preso, e agora ver uma apresentadora de programa ruim de TV ironizando
    a decisão de um Juiz, que ainda sim, foi favorável ao pleito dela, acabou o respeito,
    graças a Gilmares Mendes da vida, estamos vivendo uma Sociedade perdida, viva Banânia!

    Curtir

  3. Tio Do lanche

    Qm é a sub celebridade.. Mas concordo com o juiz…

    Curtir

  4. Paulo Bento Bandarra

    Ela não aceita a liberdade de expressão. Dos outros, é claro.

    Curtir

  5. A decisão do juiz deve limitar-se a ação proposta de danos morais , deve ser técnica, não cabe comentários sobre comportamento social da requerente, não fica bem para um magistrado passar um pito em um despacho; pode-se não gostar dessa Sra, eu por exemplo não gosto; mais não cabe ao juiz opinar sobre o modo de viver de ninguém, já que o juízo age por provocação, que se limite ao conteúdo da contenda; deixa para padres e pastores falar sobre comportamento.

    Curtir

  6. Social Democrata Nem Direita Nem Esquerda

    Afinal, quem é essa ilustre desconhecida?

    Curtir

  7. Sinceramente, não entendo a motivação para tanta grosseria para atingir essa pessoa? Aliás, belíssima apesar da elasticidade!

    Curtir

  8. Raimundo Lulo

    pq a fernanda young se enfureceu ao ser chamada de lésbica?? por acaso lésbica é algo ruim? que preconceito é esse dona fernanda young??? acho que cabe um processo por parte do movimento lgbt

    Curtir

  9. Juiz machista!Proferiu a sentança como se estivesse justificando a agressao .

    Curtir

  10. Geilson Gomes

    Fernanda tem razão. Um ensaio sensual ou mesmo uma vida sem moral não atenua a agressão, a lei é para todos. Ela só se esqueceu que a justiça no país é um poder onde o conchavo e o toma-lá-dá-cá, com Moros exceções, é a regra. Gilmar é um sintoma de um problema muito mais amplo.

    Curtir