Clique e assine a partir de 9,90/mês

Ex-presidente alemão pede música dos Beatles para sua festa de despedida

Por Da Redação - 2 mar 2012, 15h58

Berlim, 2 mar (EFE).- O ex-presidente alemão Christian Wulff, que renunciou em fevereiro por um escândalo de corrupção, pediu que em sua festa de despedida seja tocada uma música dos Beatles, publicou nesta sexta-feira o jornal alemão ‘Leipziger Volkszeitung’.

Pouco depois, a imprensa alemã ironizou o pouco tempo (um ano e meio) que o democrata-cristão, respaldado pela chanceler Angela Merkel, se manteve na chefia do Estado, sugerindo que o repertório incluísse ‘Yesterday’ (Ontem) ou ‘Hello, Goodbye’ (Olá, Adeus).

A música será interpretada pela banda do Exército, a pedido do homenageado na festa de despedida, que se realiza habitualmente na Alemanha quando um alto funcionário público abandona o cargo.

Segundo fontes ligadas ao político, ele optou, ‘após dias de reflexão’, por ‘uma das músicas mais conhecidas entre as composições de Paul McCartney’, mas será segredo até a despedida, que acontecerá no próximo dia 8.

Continua após a publicidade

Após mais de dois meses de controvérsia, Wulff renunciou no final de fevereiro, depois de diversos meios de comunicação terem divulgado que ele tinha aceitado empréstimos em condições especiais e presentes, como férias e carros, enquanto era primeiro-ministro do estado da Baixa Saxônia (noroeste da Alemanha).

Na festa de despedida do ex-ministro da Defesa Karl-Theodor zu Guttenberg, que renunciou após a descoberta do plágio em sua tese de doutorado, a banda militar interpretou o clássico ‘Smoke on the Water’, da banda Deep Purple. EFE

Publicidade