Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ex-mulheres de Mel Gibson vão se enfrentar na Justiça

Depois de sair em defesa do ex-marido, a primeira mulher de Gibson vai ser interpelada pela segunda, em processo de separação

Não pára, não pára, não pára. Depois de acidentar-se no último fim de semana, numa estrada da Califórnia, o ator australiano Mel Gibson, 54, ganhou hoje mais uma dor de cabeça: a pianista russa Oksana Grigorieva, sua segunda mulher, com quem trava uma batalha judicial pela guarda da filha do casal, anunciou que vai interpelar judicialmente a ex-mulher de Gibson, Robyn Moore, por ela ter afirmado que o ator não era um homem violento e acusado a russa de

fazer afirmações inverídicas.

É justamente o contrário que Oksana tenta provar há meses ao divulgar gravações em que Gibson a insulta com termos impublicáveis. Robyn, que separou-se de Mel Gibson há três anos, depois que ele foi preso dirigindo embriagado, ficou com metade da fortuna do astro, estimada em 1 milhão de dólares, depois de um processo turbulento de divórcio que terminou em 2009. Ela saiu em defesa do pais dos seus sete filhos alegando que durante os quase trinta anos de casados, ele sempre foi atencioso e jamais demonstrou qualquer descontrole emocional ou agrediu a família.