Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Entenda o motivo de Keanu Reeves demorar 20 anos para apresentar namorada

O último relacionamento do ator foi com a atriz Jennifer Syme que chegou à dar luz uma menina. Mas tanto o bebê quanto a mulher morreram tragicamente

Por Redação - Atualizado em 5 nov 2019, 18h07 - Publicado em 5 nov 2019, 17h34

Os fãs de Keanu Reeves se assustaram com a notícia de que o ator de 55 anos assumiu publicamente o namoro com a artista plástica Alexandra Grant, de 46 anos. Esta é a primeira vez, segundo o tabloide Daily Mail, em 35 anos de carreira, que os astro das franquias Matrix e John Wick posa com uma namorada no tapete vermelho do evento da grife Gucci que aconteceu no sábado 2, em Los Angeles, Califórnia.

O que muitos não sabem é que o último relacionamento que o ator teve publicamente terminou de uma forma trágica. O que pode dizer que somente agora o artista se viu pronto para firmar uma relação com outra companheira e assumi-la ao mundo.

Keanu namorou sério a atriz Jennifer Syme em meados de 1999. Nascida em Pico Rivera, Califórnia, Jennifer viveu lá por 18 anos até conseguir um emprego como assistente do cineasta David Lynch. Foi lá que conheceu Reeves, e de acordo com o ator, se apaixonaram instantaneamente. Ela teve alguns papéis em filmes menores, incluindo uma parte de Lost Highway.

A paixão foi tamanha que Jennifer engravidou de Reeves em 1999. O bebê era uma menina e o casal estava tão feliz que antes mesmo do nascimento, Keanu já havia escolhido o nome da criança: Ava. Enquanto o ator dava vida ao seu personagem mais emblemático no cinema em Matrix, a filha do casal nasceu. Porém prematuramente de oito meses e não resistiu morrendo no mesmo dia.

Devido ao luto, o casal não aguentou ficar junto e acabou se separando um tempo mais tarde, porém ambos continuaram amigos.

Publicidade

Em 2001, entretanto, outro fatídico acidente selaria a vida amorosa do ator por décadas. No dia 01 de abril Jennifer participou de uma festa na casa do músico Marilyn Manson. A atriz chegou em casa, mas saiu novamente a pedido do próprio músico. Na manhã do dia 02, enquanto dirigia seu Jeep Grand Cherokee, na tentativa de chegar a mansão de Marilyn Manson, bateu em uma linha de carros estacionados em Cahuenga Boulevard, em Los Angeles. Ela foi lançada para fora do veículo e morreu instantaneamente. Jennifer tinha 28 anos. Ela foi enterrada ao lado de sua filha Ava.

Em entrevista a revista Esquire, em 2017, Keanu, na época com 52 anos, disse que era tarde para reconstruir uma família e que tinha certeza de que não teria filhos. “O tempo passa muito depressa e não nos damos conta até nos olharmos ao espelho”, explicou o artista.

Um ano após a morte de Jennifer, em abril de 2002, a mãe da atriz processou Marilyn Manson por homicídio culposo, segundo ela, o músico teria fornecido a Jennifer “diversas quantidades de uma substância controlada ilegal” e a teria instruído a “dirigir um veículo a motor no seu estado incapacitado”. Logo após a ação ser ajuizada, Manson emitiu um comunicado para negar a responsabilidade pela morte de Jennifer, afirmando que a ação foi “totalmente sem mérito”.

Uma investigação sobre o acidente concluiu que Jennifer estava embriagada no momento do acidente. A polícia encontrou dois laminados que continha um pó, dois frascos de medicamentos com receita médica, um relaxante muscular e um anticonvulsivo. Jennifer não usava cinto de segurança na hora do acidente.

Publicidade

Prestes a começar as gravações do quarto filme de Matrix, duas décadas depois do lançamento da trilogia, parece que finalmente, Keanu conseguiu superar os traumas do passado e dar prosseguimento em sua vida. Com o novo romance, o ator pode perceber que nunca é tarde para amar e construir uma nova família.

Publicidade