Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Disco de Elza Soares é eleito um dos melhores do ano pelo ‘NYT’

‘A Mulher do Fim do Mundo’ está entre as escolhas do crítico Jon Pareles para a lista do jornal americano

Elza Soares teve seu último disco, A Mulher do Fim do Mundo, escolhido como um dos melhores álbuns do ano pelo crítico Jon Pareles, do jornal americano New York Times. “Tradução nenhuma é necessária para reconhecer a ira e a coragem de A Mulher do Fim do Mundo, da senhora Soares, uma cantora de samba de 79 anos que é celebrada há muito tempo no Brasil”, diz o jornalista ao justificar sua escolha.

Veja também

“Ela faz uso de sua voz rouca, mas dominante, em músicas sobre abuso e abusadores, pobreza e história, luxúria e violência. A senhora Soares é influenciada por músicos de São Paulo que descrevem sua música como ‘samba sujo’; eles unem o samba tradicional com distorções de guitarra, tambores agressivos e som eletrônico indisciplinado que salientam quão indomável a senhora Soares continua a ser”, termina o crítico.

Cada um dos três críticos do jornal escolheu entre dez e quinze discos como os melhores. Além de A Mulher do Fim do Mundo, Pareles também elegeu Lemonade (Beyoncé), Blackstar (David Bowie), We Got It From Here … Thank You 4 Your Service (A Tribe Called Quest), A Moon Shaped Pool (Radiohead), You Want It Darker (Leonard Cohen), 22, a Million (Bon Iver), Emotions and Math (Margaret Glaspy), Hopelessness (Anohni) e Adore Life (Savages).

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Felipe Atoline

    Tive a oportunidade de ver um show dela e fiquei impressionado. É uma das maiores da história e nunca parou no tempo ou viveu do passado. O novo disco comprova isso. Fenomenal.

    Curtir