Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dicionário Oxford inclui vuvuzela e até pretinho básico em seu rol de termos

Depois de alcançar o posto de destaque da Copa do Mundo 2010, junto com a modelo paraguaia Larissa Riquelme e a jornalista Sara Carbonero, namorada do goleiro espanhol Casillas, a indefectível corneta africana, a vuvuzela, acaba de ganhar mais notoriedade: foi dicionarizada pelo Oxford, considerado o mais prestigioso e completo dicionário da língua inglesa. A definição, ao que se sabe, não acompanha o adjetivo insuportável.

O Oxford não pára por aí e acrescentará à sua lista de 300 mil palavras, 2 mil novos termos como tweetup (encontro marcado via microblog Twitter), bromance (amor irrestrito mas sem contorno sexual entre homens), frenemy (aquele amigo duas caras) e até LBD, o little black dress, o mundialmente conhecido pretinho básico, o vestido que recebeu o aval de mademoiselle Chanel para entrar em qualquer ambiente, do velório ao casamento.

O porta-voz da Oxford University Press, casa editorial responsável pela publicação da obra, disse que o dicionário trabalha em regime de permanente atualização, catalogando num banco de dados termos que se impõem pela força da coloquialidade e pelo uso irrestrito.

Cada edição do Dicionário Oxford contém cerca de 150 mil conjugações verbais, 140 mil formas de pronúncia e 250 mil etimologias.