Clique e assine a partir de 9,90/mês

Dez motivos para odiar o ‘Big Brother Brasil’

Os clichês de Bial, o excesso de ações de merchandising e o narcisismo dos participantes fazem do reality show um dos programas mais irritantes da TV

Por Da Redação - 29 mar 2012, 11h24

A 12ª edição do Big Brother Brasil chega ao fim nesta quinta-feira. Além da definição do novo milionário coroado pelo programa, a final traz também o alívio para muitos telespectadores que não fazem a mínima questão de “dar aquela espiadinha”. São muitos os motivos que inspiram a formação de um grupo que não torce para nenhum participante, mas sim para que o BBB acabe mais cedo do que o previsto.

Os discursos indecifráveis de Pedro Bial somados às ações excessivas de merchandising e os gritos de “uhuu”, que dominam o programa, são apenas alguns dos elementos que fazem parte da longa lista de motivos para odiar o BBB. Outras explicações são a hegemonia das mulheres siliconadas e as personalidades narcisistas que povoam a casa.

Publicidade