Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Daniela Mercury, Thiaguinho e outros artistas homenageiam Dona Ivone Lara

Sambista morreu na noite de segunda-feira aos 97 anos, após ser internada com um quadro de anemia

Músicos e cantores se mobilizaram na madrugada desta terça-feira para prestar as últimas homenagens a Dona Ivone Lara. A sambista morreu na noite de segunda-feira aos 97 anos, depois de ficar internada no Centro de Tratamento e Terapia Intensiva (CTI) da Coordenação de Emergência Regional (CER), no Rio de Janeiro, com um quadro de anemia.

A rainha do samba se foi e vai deixar muita saudade. Mas o seu exemplo e seus sambas extraordinários continuarão a fortalecer as mulheres, os negros, o Brasil e o povo brasileiro. Salve Dona Ivone Lara! Motumbá!”, escreveu a cantora Daniela Mercury no Twitter junto com um vídeo da música Sorriso Negro (1981). 

Thiaguinho também lamentou a morte de dona Ivone Lara pelo Instagram: “Me lembro da primeira vez que a vi… No camarim da TV Bandeirantes em 2004… Dócil… Educadíssima… Descanse em paz e obrigado por tudo!”, declarou citando o verso “Tristeza rolou nos meus olhos” da música  Mas Quem Disse que Eu te Esqueço. 

Lázaro Ramos desejou um “descanse em samba” para a cantora e explicou: “Dona Ivone Lara é gigante. Artista única. Sempre que eu estava triste, eu cantava ‘Alguém me avisou’ e, com o poder desses versos, pegava forças pra caminhar. Esse é um poder que poucas músicas têm, e são os versos dela que fazem isso”.

Dudu Nobre postou uma foto de Dona Ivone com o refrão da canção Sonho Meu. O chargista Carlos Latuff divulgou uma ilustração da sambista cantando o verso “o samba não pode parar” e Zélia Duncan afirmou: “Nós mulheres, cantoras, brasileiras, sempre seremos agradecidas pela porta aberta pelo seu talento, sua força e sua voz”. 

A cantora Vanessa da Mata compartilhou três imagens de dona Ivone Lara no Twitter e explicou que ficou com insônia depois de saber da morte da sambista. “Vai uma de peso, nascem centenas sem conexão evolutiva! Tanta gente vazia, milhões para um máximo de alto padrão! Amanhã melhoro”, afirmou.

O corpo de dona Ivone será velado nesta manhã na quadra da Império Serrano, sua escola do coração, em Madureira, na Zona Norte do Rio de Janeiro. O sepultamento está marcado para a tarde, no cemitério de Inhaúma.