Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Daniela Mercury fala sobre a ‘esposa’: ‘Estou feliz, estou amando’

De Portugal, onde está fazendo shows, a cantora conversou com VEJA sobre o relacionamento com a jornalista baiana Malu Verçosa, revelado ao público nesta semana

“Depois que eu e Malu colocamos as fotos na internet, minha filha me mandou uma mensagem: ‘Vocês estão fazendo a maior confusão'”

Por que a senhora resolveu tornar pública essa relação?

Porque quis ter minha dignidade preservada. Como todo mundo, quero ser aceita, ter liberdade, ser respeitada. Não suportaria ficar escondida. E o único jeito de não ficar escondida, com medo das fofocas, foi tratar isso como uma coisa natural – que, de fato, é.

A senhora disse que o fato de o deputado Marco Feliciano ter assumido a presidência da Comissão de Direitos Humanos influenciou a decisão de falar sobre a sua união. Em que medida?

Claro que esse contexto político, a inadequação desse deputado ao posto, tudo isso me deu força. Mas eu acho que, quanto mais se falar das relações homossexuais, mais elas vão se tornar naturais para as outras pessoas. Antigamente, as mulheres sentiam vergonha de ser desquitadas. Isso passou. E passou porque a situação se tornou natural. Eu quero ajudar a fazer com que o amor entre duas pessoas – no caso, duas mulheres – também seja encarado por todo mundo como algo normal.

Como seus pais e filhos reagiram à situação?

Falei com um por um. Para o meu pai, eu telefonei, e disse que tinha me apaixonado por Malu. Ele me perguntou: “Minha filha, não é um pouco cedo para você viver essa relação?”. Eu disse que não, e que queria levar Malu para ele conhecer. Claro que não foi fácil. No fim da ligação, ele disse que não conseguia entender direito, mas que me amava. Minha filha de 15 anos perguntou se eu estava feliz e eu disse que sim. Depois que eu e Malu colocamos as fotos na internet, ela me mandou uma mensagem: “Vocês estão fazendo a maior confusão”. E, logo depois, mandou outra: “Vocês estão lindas nas fotos”.

Para ler a continuação dessa reportagem compre a edição desta semana de VEJA no IBA, no tablet ou nas bancas.

Outros destaques de VEJA desta semana