Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Cinema olímpico: 7 filmes para entrar no espírito dos Jogos

Histórias de superação de atletas lendários são uma inspiração para Hollywood e que conquistam o público

Por Da redação - Atualizado em 11 ago 2016, 09h40 - Publicado em 11 ago 2016, 09h33

Desde a Antiga Grécia, os Jogos Olímpicos são sinônimo de desafio, superação — e inspiração. Que o diga Hollywood, que encontrou em casos vividos nas olimpíadas uma ótima fonte de tramas para o cinema. Diversas produções retrataram momentos reais dos jogos, desde a façanha de Jesse Owens, o negro que se sagrou vencedor diante de Hitler, na Berlim de 1936, passando por um improvável time jamaicano de bobsleigh, espécie de trenó no gelo das olimpíadas de inverno, até os atentados em Munique, em 1972.

LEIA TAMBÉM:
Cinco choques culturais que os gringos estão enfrentando no Rio
Arthur Nory, o ‘crush’ de Simone Biles e das redes sociais

Agora com a Olimpíada do Rio a pleno vapor, aqueles que não querem deixar o espírito olímpico morrer no intervalo das competições podem mergulhar em uma das produções preparadas pela rica indústria do cinema americana: 

‘Carruagens de Fogo’ (1981)

Publicidade

Um dos filmes sobre esportes mais famosos do mundo. Vencedor do Oscar de melhor filme em 1982, o longa mostra o dilema de dois atletas, um cristão e um judeu, durante o treinamento e a competição de atletismo nas Olimpíadas de 1924, em Paris. A trilha-sonora também vencedora do Oscar, composta pelo grego Vangelis, tornou-se o hino oficial de todas as maratonas ao redor do mundo.

‘Foxcatcher – Uma História que Chocou o Mundo’ (2014)

Baseado em fatos verídicos, o filme indicado a cinco Oscars narra a relação improvável e trágica entre um multimilionário excêntrico, John Dupont (Steve Carrell), e dois atletas de luta greco-romana. Em sua preparação para os Jogos de 1988, em Seul,  Mark Schultz, (Channing Tatum) aceita viver na mansão do milionário, e leva consigo o irmão, também lutador, Dave Schultz (Mark Rufallo). Mas a personalidade difícil de John acaba aterrorizando a vida dos três.

Publicidade

‘Raça’ (2016)

Jesse Owens ficou mundialmente conhecido por ser um atleta negro que ganhou quatro medalhas de ouro na olimpíada de 1936, em Berlim, bem na frente de Adolf Hitler, que defendia a supremacia branca. Raça é uma cinebiografia baseada na jornada do lendário atleta, interpretado nos cinemas por Stephan James (Selma).

‘Jamaica abaixo de Zero’ (1993)

Publicidade

A comédia, que já se tornou um clássico da televisão vespertina, é baseada em uma história real. O filme narra a história da estreia da equipe de bobsleigh nacional da Jamaica, um país com experiência quase zero em esportes de neve, nos Jogos Olímpicos de Inverno de 1988, em Alberta, no Canadá.

‘Prova de Fogo’ (1998)

Publicidade

O longa é baseado na história de Steve Roland Prefontaine, um atleta americano especialista em corridas de longa distância, que ficou em quarto lugar na olimpíada de 1972, em Munique. Com um futuro promissor no esportes, e o primeiro corredor a ser patrocinado pela Nike, o jovem acabou sofrendo um trágico acidente enquanto se preparava para os Jogos de 1976, em Montreal.

‘As Parceiras’ (1982)

O filme foca no treinamento da equipe de atletismo feminino dos Estados Unidos. Chris Cahill é uma atleta que se prepara para participar dos Jogos Olímpicos de 1980, em Moscou — e que depois sofreria um boicote da equipe americana. A protagonista é a jovem Chris Cahill (Mariel Hemingway), que acaba se envolvendo amorosamente com o treinador, Terry Tingloff (Scott Glenn), e com uma atleta veterana, Tory Skinner (Patrice Donnelly).

Publicidade

‘Munique’ (2005)

Com cinco indicações ao Oscar, o longa parte dos atentados terroristas que mataram onze atletas israelenses nas Olimpíadas de Munique, em 1972. O governo de Israel então contrata um grupo para investigar, perseguir e matar os responsáveis pelo atentado.

 

Publicidade