Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

China é destaque no Festival de Berlim 2012

O Festival de Cinema de Berlim, que começa na próxima quarta-feira, tenta dar ao público uma mostra da criatividade mundial em tempos de crise e até no mundo da sétima arte a China é destaque: o gigante asiático terá três filmes na mostra, apesar de duas delas fora de concurso.

A Berlinale começará com a exibição do francês “Les adieux a la Reine” (“Adeus à rainha”), de Benoit Jacquot, sobre os primeiros dias da revolução francesa a partir do ponto de vista de uma dama de companhia estrelando Diane Kruger.

O chinês Wang Quan’an, vencedor em 2007 do Urso de Ouro com “O casamento de Tuya”, apresentará “Bai lu yuan” (“White Deer Plain), uma epopeia sobre várias gerações de camponeses antes do advento do comunismo.

O filme é inspirado em um best-seller de Chen Zhongshi, “um dos romances mais controversos da literatura chinesa moderna”, como explicou o diretor da Berlinale, Dieter Kosslick.

Outros dois filmes chineses, “Flores da Guerra” (“The Flowers Of War”, Jin ling Shi San Chai), de Zhang Yimou, com Christian Bale, e “Flying Swords Of Dragon Gate”, de Hark Tsui, serão exibidos fora de competição.

Os veteranos irmãos italianos Paolo e Vittorio Taviani também estão na disputa do Urso de Ouro, com “César deve morrer”, adaptação de “Julio César”, de Shakespeare, interpretada pelo detentos do presídio de segurança máxima de Rebibbia.

O filipino Brillante Mendoza, premiado em Cannes-2009 pelo violento “Kinatai”, leva a Berlim “Captive”, com a atriz francesa Isabelle Huppert no papel de uma voluntária sequestrada pelo grupo islamita Abu Sayaf.

O ex-casal Angelina Joly e Billy Bob Thornton também marcará presença na Berlinale 2012.

A atriz apresentará fora de concurso seu primeiro filme como diretora (“In the Land of Blood and Honey”), enquanto seu ex-marido defenderá “Jayne Mansfield’s Car”, no qual é diretor e ator, ao lado de Robert Duvall, John Hurt e Kevin Bacon.

O festival apresentará ainda fora de concurso o aguardado “Tão Forte e Tão Perto”, do britânico Stephen Daldry, uma adaptação do best-seller de Jonathan Safar Foer, passado após os atentados de 11 de setembro de 2001, com Tom Hanks e Sandra Bullock.

O britânico Mike Leigh será o presidente do júri, que conta ainda com a atriz francesa Charlotte Gainsbourg e o diretor iraniano Asghar Farhadi, vencedor do Festival em 2011 com “A Separação”.

A Berlinale também premiará a atriz americana Meryl Streep com um Urso de Ouro honorário pelo conjunto da obra.

De maneira paralela à mostra principal, Berlim exibirá filmes e organizará debates sobre a primavera árabe, o movimento dos “indignados” na Europa, a vida na Hungria e os perigos que ameaçam a democracia.

Um dos destaques dos debates será o ator espanhol, Javier Bardem, que apresentará o documentário “Filhos das Nuvens, a última colônia”, dirigido por Alvaro Longoria.

O documentário relata o conflito no Saara ocidental e o envolvimento do ator, que examina o destino de um povo abandonado, explorando os destino de um povo abandonado, explorando os complexos caminhos da diplomacia internacional, segundo o festival.

A seguir, a lista completa, incluindo o título em inglês, diretor e países onde os filmes em competição:

“Barbara”, Christian Petzold, Alemanha.

“Bel Ami”, Declan Donnellan e Nick Ormerod, estrelando Robert Pattinson, Uma Thurman, Kristin Scott Thomas, e Christina Ricci. Grã-Bretanha (fora da competição)

“Caesar Must Die” (Cesare deve morire), Paolo e Vittorio Taviani. Itália.

“Captive”, Brillante Mendoza e Isabelle Huppert, como protagonista. França/Filipinas/Alemanha/Grã-Bretanha.

“Childish Games” (Dictado), Antonio Chavarrias. Espanha.

“Coming Home” (A moi seule), Frederic Videau. França.

“Extremamente alto e incrivelmente perto” (“Extremely Loud and Incredibly Close”), Stephen Daldry e estrelando Tom Hanks e Sandra Bullock. Estados Unidos (fora da competição)

“Adeus à rainha” (“Farewell My Queen”, Les adieux a la Reine), Benoit Jacquot, estrelando Diane Kruger, França/Espanha. (filme de abertura)

“Flores da Guerra” (“The Flowers Of War”, Jin ling Shi San Chai), Zhang Yimou e estrelando Christian Bale, China. (fora da competição)

“Flying Swords Of Dragon Gate”, Hark Tsui. Hong Kong/China (fora da competição).

“Home For The Weekend”, Hans-Christian Schmid. Alemanha.

“Jayne Mansfield’s Car”, Billy Bob Thornton e estrelando Thornton, Robert Duvall, John Hurt e Kevin Bacon. Rússia/Estados Unidos.

“Just The Wind” (Csak a szel), Bence Fliegauf. Hungria/Alemanha/França.

“Mercy” (Gnade), Matthias Glasner. Alemanha/Noruega.

“Meteora”, Spiros Stathoulopoulos. Alemanha/Grécia.

“Postcards From The Zoo” (Kebun binatang), Edwin. Indonésia/Alemanha/Hong Kong/China.

“A Royal Affair” (En Kongelig Affaere), Nikolaj Arcel. Dinamarca/República Tcheca/Alemanha/Suécia.

“Shadow Dancer”, James Marsh e estrelando Clive Owen. Grã-Bretanha/Irlanda. (fora da competição)

“Sister” (L’enfant d’en haut), Ursula Meier. Suíça/França.

“Tabu”, Miguel Gomes. Portugal/Alemanha/Brasil/França.

“Tey” (Aujourd’hui), Alain Gomis. França/Senegal.

“War Witch” (Rebelle), Kim Nguyen. Canadá.

“White Deer Plain” (Bai lu yuan), Wang Quan’an. China.

Sessões especiais:

“À toda prova” (“Haywire”), Steven Soderbergh e estrelando Michael Fassbender, Ewan McGregor, e Antonio Banderas. Estados Unidos.

“Dama de Ferro” (“The Iron Lady”), Phyllida Lloyd e estrelando Meryl Streep, que receberá um prêmio Urso de Ouro por sua carreira. Grã-Bretanha.