Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Capa da ‘Elle Brasil’ com casal gay ganha elogios no exterior

Publicação nacional foi elogiada por tratar de diversidade em sua edição de aniversário

A Elle Brasil, revista da editora Abril, a mesma que publica VEJA, lançou três capas especiais para a edição de maio, mês em que comemora o seu aniversário. Explorando a diversidade, a revista recebeu elogios de publicações internacionais que ressaltaram a importância de trazer um casal do mesmo sexo logo na capa.

Com o título “Fall in Love” (Apaixone-se, em português), a edição de maio da revista celebra o amor. “As capas mostram o apoio da Elle Brasil para a comunidade LGBTQ, apesar da atual epidemia contra essa população no país. A publicação já colocou dois modelos brasileiros transgêneros em suas capas, incluindo Valentina Sampaio (que recentemente foi capa da Vogue Paris) também”, escreveu a revista Refinery29 sobre a revista.

“As imagens e a mensagem são particularmente importantes, considerando que, no ano passado, gays, lésbicas e transexuais no Brasil foram vítimas de ataques violentos. A maior parte das mortes nem sequer envolvia roubos, e a polícia não conseguiu identificar suspeitos”, completa a publicação americana.

A revista Allure foi outra que elogiou a iniciativa da publicação brasileira.”Há incontáveis capas de livros e revistas com imagens heteronormativas românticas, mas repetitivas de um homem e uma mulher se abraçando. Então, ver este casal do mesmo sexo é refrescante. E não parece que eles estão objetificando as mulheres para o espectador — o olhar nos lembra os doces momentos no começo de um relacionamento e seus sorrisos indicam esse tipo especial de alegria.”

O site de notícias americano Yahoo também frisou a violência contra os LGBT no país. “A capa aparece durante um período turbulento para a comunidade LGBT no Brasil. O país está no meio de uma epidemia anti-gay, com quase 1.600 mortes como resultado de crimes de ódio nos últimos quatro anos e meio. Nesta nação, com uma população de 200 milhões de habitantes, a verdade é que uma pessoa transgênero é morta todos os dias”, diz a publicação.

A foto foi feita pelo fotógrafo Will Vendramini, que, ao divulgá-la em seu Instagram, escreveu: “Afeição’ foi o tema e é o que sinto quando vejo isso hoje! Obrigado a todos que fizeram parte desse projeto!”.

Ao divulgar a capa nas redes sociais, a editora chefe da Elle Brasil, Susana Barbosa, descreveu a imagem da seguinte forma: “Mais do que nunca, é preciso amar: uns aos outros, a si mesmo, o diferente, o igual…”

Confira abaixo as outras duas versões da capa da edição de maio da Elle Brasil:

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Entenda…Tolerar não é a mesma coisa que aceitar…A gente tolera, mas a sociedade na sua maioria não aceita…Isso é contra a NATUREZA

    Curtir

  2. Elogiada por quem ?
    Por quem acredita que isso seja a coisa mais legal do mundo.
    Muita vontade de mudar o que sempre existiu. Esta insistência da mídia neste assunto é claro, visa criar novas opções de vendas. Cria-se um novo conceito de viver e isto abre um mundo infinito para os negócios. Deu no saco já.

    Curtir