Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Caixa reúne 11 álbuns remasterizados de John Lennon

'John Lennon Signature Box' sai no Brasil pela bagatela de 1.000 reais

Com o devido tratamento especial que o ex-beatle John Lennon merece, chegou ao mercado, pela bagatela de 1.000 reais, a John Lennon Signature Box, uma caixa com os principais álbuns do músico remasterizados, além de dois discos extras com músicas inéditas, gravações caseiras e singles. Como se trata de Lennon, já seria notável chegar ao conhecimento do público uma nova canção, como é o caso da singela India, India. Mas o box é mais do que isso. Ele será para os fãs de John a coletânea definitiva, acompanhada de textos assinados pela viúva Yoko Ono e pelos filhos Sean e Julian – do primeiro casamento, com Cynthia.

A caixa com onze CDs traz todos os álbuns lançados por Lennon depois do término dos Beatles, em 1970. Os discos também podem ser comprados individualmente, por 34,90 reais cada um. Infelizmente, na coletânea não estão incluídos os álbuns solo Two Virgins (1968), Life With The Lions (1968), Wedding Album (1969) e o ao vivo Live Peace in Toronto (1969). A seleção gerou crítica entre os fãs de Lennon, mas o fato de os títulos terem ficado de fora pode ser explicado por serem experimentais, feitos numa fase complicada da vida do cantor.

A remasterização do box foi acompanhada de perto por Yoko, que supervisionou, avalizou o processo e privilegiou nos encartes as cores azul e branca, as favoritas do casal. Outra medida da viúva foi destacar a voz de Lennon e esconder a sua própria nos duetos – coisa que talvez John não aprovasse, já que sempre fez questão que Yoko tivesse destaque.

Desses álbuns, o mais emblemático é Imagine, que traz a canção-título, uma das mais significativas da carreira de Lennon. Mas há clássicos como John Lennon/Plastic Ono Band, lançado assim que ele saiu dos Beatles, em 1970, que traz as canções Mother, I Found Out e a contestadora God. No box, está também um livreto com textos, desenhos e manuscritos de John. Mais do que um mimo para os fãs, trata-se de um importante material que se manteve inédito até hoje, somente agora liberado por Yoko. O ponto negativo é que os textos do produto, importado, estão todos em inglês. O lançamento foi motivado pelas comemorações dos 70 anos de Lennon, completados no dia 9 de outubro. Em 8 de dezembro, a morte do cantor completará 30 anos.

Para quem não quiser desembolsar 1.000 reais na caixa, foi lançada também a compilação Gimme Some Truth, feita em três versões diferentes. A primeira, mais simples, batizada de Power to the People, traz os principais hits de Lennon, como Woman, Instant Karma!, Imagine, entre outros, e custa 39,90 reais. A segunda versão, de 59,90 reais, vem acompanhada de um DVD com 15 clipes de músicas. Já a terceira, Gimme Some Truth, de 160 reais, reúne quatro CDs, com 72 músicas, divididos em quatro temas: Working Class Hero (política), Woman (mulher), Borrowed Time (cotidiano) e Roots (de raízes). Estão incluídas aí canções como Be-Bop-A-Lula (no disco Roots), Mind Games (Borrowed Time), Mother (Woman) e Woman is The Nigger Of The World (Working Class Hero).

(Com Agência Estado)