Clique e assine a partir de 9,90/mês

Caetano Veloso será ‘Personalidade do Ano 2012’ no Grammy Latino

Por Da Redação - 10 jul 2012, 12h41

Miami, 10 jul (EFE).- Caetano Veloso, ganhador de dois prêmios Grammy e de oito prêmios Grammy Latino, será homenageado como a ‘Personalidade do Ano 2012’ em um jantar de gala anterior à 13ª cerimônia de entrega do Grammy Latino.

A Academia Latina da Gravação divulgou nesta terça-feira que a homenagem acontecerá dia 14 de novembro em Las Vegas (EUA), em uma noite em que diversos artistas interpretarão canções do artista.

Parte da arrecadação do evento se destinará à Fundação Viva Cazuza, entidade escolhida por Caetano e dedicada à prevenção e tratamento do HIV para crianças e jovens. O restante será investido em programas de ajuda e educação da Academia Latina da Gravação.

O cantor e compositor será nomeado como a ‘Personalidade do Ano 2012’ na véspera da celebração, também em Las Vegas, da XIII Entrega Anual do Grammy Latino.

Continua após a publicidade

‘Caetano Veloso se transformou no embaixador de destaque da música e da cultura brasileira’, disse hoje Gabriel Abaroa Jr., presidente e executivo-chefe da Academia Latina da Gravação, em comunicado.

Para Abaroa Jr., ‘é difícil encontrar um homem com tanto talento, paixão e dedicação a seus projetos criativos, tanto na música e nas letras, quanto no social’.

‘Ao homenagear Caetano, homenageamos a música do Brasil, e esperamos fortemente honrar sua fantástica carreira e sua música’, acrescentou o diretor em relação a quem definiu como ‘músico, produtor, arranjador, escritor e ativista político’, que é ‘considerado um dos brasileiros mais influentes desde os anos 1960’.

Durante sua carreira, Caetano gravou quase 50 álbuns, publicou quatro livros, dirigiu o filme ‘O Cinema Falado’, foi tema de documentário e ganhou inúmeros prêmios.

Continua após a publicidade

A Academia Latina da Gravação já homenageou como ‘Personalidade do Ano’ os músicos Plácido Domingo, Gloria Estefan, Julio Iglesias, Carlos Santana e Shakira, entre outros. EFE

Publicidade