Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brigitte Bardot: ‘Sou mais macho que muito homem’

Falando de sua época de artista, ex-diva do cinema francês disse que era feia

Numa involuntária paráfrase da música Pagu, de Rita Lee, a ex-diva do cinema francês Brigitte Bardot declarou que é mais macho que muito homem à revista Vogue Hommes International que chega ao mercado nesta quinta-feira. “Sempre fiz o que quis”, afirmou Bardot, que completa 77 anos no próximo dia 28. “Poderiam me tomar como exemplo. Sempre assumi o que fiz ou o que disse”, afirmou a atriz, que hoje tem como principal ocupação a defesa dos animais.

Falando de sua época de artista, Brigitte deu uma de modesta, afirmando que era feia. “Tentava ficar o mais bonita possível e, ainda assim, me achava feia. Para mim, custava muito sair e me mostrar. Tinha medo de não estar à altura do que se esperava de mim.” Ainda assim, reconheceu que tinha poder de sedução, coisa que agora não a interessa mais. “Na minha idade, não quero seduzir nada nem ninguém”, disse a atriz, que também admitiu ter sido “esmagada” pela fama. “Ninguém pode imaginar até que ponto foi espantoso. Um calvário. Já não podia viver daquele jeito.”

A difícil relação com o sucesso explica em parte o sumiço da atriz, que diz hoje só aspirar à solidão. Outro motivo é o estado atual do mundo, que não a agrada. “Como sou de natureza contemplativa, a solidão me cai muito bem”, concluiu.

(Com agência France-Presse)