Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bolt faz chifrinho em repórter brasileiro

'É, o Bolt não estava gostando muito de esperar', riu, embora sem graça, o jornalista

Na noite em que se tornou o primeiro atleta a vencer a prova dos 200m por três Olimpíadas seguidas e embolsou a oitava medalha de ouro da carreira, o jamaicano Usain Bolt sorria largo. E mais do que isso: fazia graça com os outros. Que o diga o repórter  Mendel Bydlowski, do canal pago ESPN Brasil, que levou chifrinhos do chamado raio das pistas enquanto aguardava para entrar ao vivo com ele na TV.

LEIA TAMBÉM:
Bolt conquista o tri olímpico nos 200m – e segue fazendo história

“É, o Bolt não estava gostando muito de esperar. O monstro Usain Bolt”, riu, embora sem graça, o repórter ao perceber a brincadeira. Por monstro, ele queria dizer mito, claro. Mas fez sua observação em bom português, em todo caso.

Com a vitória desta quinta-feira, Bolt fica a um passo de cumprir o objetivo que traçou para a Rio-2016 – conquistar o tri nos 100m, nos 200m e no revezamento 4x100m. Em entrevista a VEJA antes dos Jogos, o jamaicano afirmou que, se conseguisse isso, seria grande como “Pelé e Muhammad Ali”.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Tem certas coisas que não precisam ser ditas e nem feitas. Bolt poderia ficar sem essa. Não precisa disso.

    Curtir

  2. Luis Páucar Montoya

    Atitude pra lá de babaca do corredor.
    Fico imaginando se fosse um atleta branco fazendo isso com um repórter negro ou com uma repórter. Tocariam as trombetas do apocalipse!!

    Curtir

  3. Ex-microempresário

    O mundo perdeu o senso de humor.

    Curtir

  4. Flávio Corredor

    “O Bolt é isso, o Bolt é aquilo” (por ter feito chifrinho). Mimimimimi!!! Cambada de gente chata, que geração mais chata! Qual é o problema de uma brincadeira inocente e até infantil??? Gente mais chata e azeda! Vão se afogar num tonel de chocolate pra ver se ficam mais doces!

    Curtir