Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bob Dylan é acusado de plagiar fotos em pinturas

Cantor e compositor tem mostra em cartaz em galeria de Nova York, EUA

A exposição The Asia Series, aberta pelo músico Bob Dylan na Gagosian Gallery, em Nova York, Estados Unidos, foi anunciada como uma mostra de representações em primeira mão de países da Ásia que Dylan visitou. No entanto, a autenticidade e a originalidade das imagens foram questionadas quando alguns fãs as acharam parecidas com outras já existentes.

Segundo o blog Arts Beat, do jornal The New York Times, os dylanologistas, especialistas na obra do compositor, levantaram dúvida sobre os dezoito desenhos e pinturas da mostra. A questão era se as obras eram baseadas na experiência do próprio cantor ou feitas a partir de fotografias tiradas por outras pessoas — caso da tela acima e desta foto aqui.

Na semana passada, a Gagosian Gallery emitiu uma declaração explicando o trabalho plástico de Dylan. Segundo a nota, a composição de algumas pinturas é “baseada em uma variedade de fontes, incluindo arquivos e imagens históricas”, enquanto “a vibração” das telas “vem das cores e texturas encontradas nas cenas diárias que o músico observou durante suas viagens”.

A galeria também falou da entrevista dada por Dylan, em que ele explica que pinta sobre aspectos reais da vida, mas tudo tem que começar com algo tangível — uma foto?

Não é a primeira vez que os trabalhos do cantor americano têm autenticidade questionada. Em 2006, se disse que as letras de seu primeiro CD se assemelhavam muito com poemas de Henry Timrod, poeta americano do século XIX. Em 2008, um ensaio em um jornal literário disse que Dylan adaptou para canções diversas frases de outros escritores.