Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Big Bang Theory’ está mudando a forma como as pessoas veem os nerds, diz atriz

Mayim Bialik, que interpreta Amy Farrah Fowler, acredita que a série quebra estereótipos ao mostrar os personagens com vidas sociais ativas e relacionamentos

Na série The Big Bang Theory, a atriz Mayim Bialik, 39, interpreta Amy Farrah Fowler, personagem que tem um PhD, assim como ela. Enquanto Amy estudou neurobiologia, Mayim é neurocientista e acredita que Hollywood está deixando para trás a visão estereotipada de cientistas e nerds. “Big Bang Theory está mudando a maneira como as pessoas veem os nerds e geeks ao mostrá-los com vidas sociais ativas e relacionamentos”, disse ao jornal britânico The Observer, que pertence ao grupo Guardian. Sua personagem, por exemplo, vive a namorada de Sheldon Cooper (Jim Parsons), um físico com pouca desenvoltura social que vem aprendendo, ao longo das últimas temporadas do programa, a ser um pouco menos egocêntrico.

LEIA TAMBÉM:

‘Big Bang Theory’ presta homenagem a Leonard Nimoy

Atores de ‘Big Bang Theory’ dominam lista de mais bem pagos da TV

‘Big Bang Theory’: 17,9 milhões de espectadores na reestreia nos EUA

Para Mayim, as semelhanças entre ela e sua personagem não vão muito além do apreço pela ciência: “Amy foi criada como uma versão feminina de Sheldon. Há semelhanças entre mim e ela, como a maneira como pensamos e o gosto pela ciência, mas, basicamente a Amy é só uma personagem”.

Além de atriz e neurocientista, Mayim também mantém o site GrokNation, onde ela escreve sobre temas como cultura, ciência e religião. “Eu escolho com muito cuidado as coisas pessoais sobre as quais escrevo. E espero que as coisas escolhidas sejam educacionais e ajudem os outros.” Mayim mostra que também está ajudando a quebrar o estereótipo de que todos os cientistas são fãs de tecnologia: “Eu uso quando é necessário para o trabalho, fora isso eu não consigo nem usar um iPad.”

(Da redação)