Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jô Soares chora em entrevista a Bial, seu substituto na Globo

Convidado do 'Conversa com Bial', o humorista apresentou sua autobiografia e foi às lágrimas ao falar do filho, falecido em 2014

Jô Soares trocou de lado. Depois de dezessete anos recebendo convidados em seu talk show na Globo — além dos onze anos que passou fazendo o mesmo no SBT –, o humorista, escritor, diretor e apresentador concedeu uma entrevista nesta terça-feira, justamente no Conversa com Bial, programa de formato semelhante que, no início do ano, substituiu o Programa do Jô no fim de noite da emissora carioca.

O gancho foi o lançamento de O Livro de Jô – Uma Autobiografia Desautorizada, que a Companhia das Letras deve lançar em breve. Escrito em parceria com o jornalista Matinas Suzuki Jr., a obra surgiu depois de seu discurso ao tomar posse da cadeira 33 da Academia Paulista de Letras, há um ano. Na ocasião, lembrou que seu nascimento foi “um susto”, pois os pais, mais velhos, já não planejavam ter filhos. O livro parte desse ponto.

Durante o bate-papo com Pedro Bial, Jô foi às lágrimas em alguns momentos, principalmente ao falar do filho, Rafael Soares, morto em 2014, aos 50 anos, de um câncer cerebral. Ele era autista de alto nível. Também falou dos planos para o teatro, deixando a televisão de lado por enquanto.

O programa vai ao ar nesta quinta-feira.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Osmar Serrragem

    Autista de “alto rendimento”, ok? Um abraço ao Jô…

    Curtir

  2. Não sei qual dos dois é pior, o BBB Bial ou o esquerdista Jô.

    Curtir

  3. Existe autismo de alto rendimento, como portadores da Síndrome de Asperger. Sugiro estudar mais.

    Curtir

  4. Social Democrata Nem Direita Nem Esquerda

    Volta Jô, por favor. Esse Bial é um saco.

    Curtir