Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Beijo gay é cortado de ‘A Lenda de Tarzan’

Herói e vilão tiveram, por assim dizer, um momento de romance no filme

Calma, Jane, não foi dessa vez que Tarzan saiu do armário. O novo filme do herói da selva, A Lenda de Tarzan , que chega aos cinemas no próximo dia 21, deveria exibir uma cena de beijo entre o protagonista, vivido por um malhado Alexander Skarsgård, e o vilão Leon Rom, interpretado pelo vencedor do Oscar Cristoph Waltz. Mas, segundo informações do The Guardian, o diretor David Yates cortou a sequência da edição final.

A decisão foi tomada após algumas sessões de testes, em que uma audiência é eleita para a exibição do longa antes do lançamento. De acordo com a publicação, o público ficou desconfortável com a sequência.

LEIA TAMBÉM:

‘Tarzan’ salva ‘Jane’ no tapete vermelho

Corpão de Tarzan é destaque em novo trailer. Assista

​Primeiro trailer mostra Tarzan adaptado à civilização

Segundo o diretor, o beijo aconteceria em um momento que Tarzan está desacordado, e Rom o beija, atraído pela sua aparência selvagem. “Nós reanalisamos a cena, e vimos que ela era exagerada. Era um momento estranho, realmente estranho, em que Christoph beija Tarzan. Nós adoramos ela na hora que fizemos. Mas o público dos primeiros testes ficou perplexo. No final, sentimos que a cena era inteligente mas sobrecarregava o filme”, explicou Yates.

Confira o trailer do longa – sem beijo gay: