Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ator se diz ‘feliz’ após ter personagem morto em ‘The Walking Dead’

Intérprete de Jesus afirma que estava frustrado com rumo do roteiro da série

“Eu sei que as pessoas vão ficar desapontadas e chocadas. Mas eu estou feliz.” Foi assim que o ator Tom Payne falou sobre a morte de seu personagem, Jesus, na série The Walking Dead. Bastante relevante nos quadrinhos, Jesus foi pouco aproveitado no seriado televisivo, trajetória que deixou o ator britânico frustrado.

Ele falou sobre a saída da série em entrevista ao site da revista The Hollywood Reporter. “Eu sempre quis ser parte de uma boa história que chocasse as pessoas. É isso que essa série significa pra mim”, conta. “Sei que as pessoas podem ficar chateadas, mas eu estou chateado há dois anos, com um personagem que não fez todas as coisas legais que ele faz nos quadrinhos. Me deram um final muito bom, e fiquei satisfeito.”

Ao ser questionado sobre a escolha de sair da série, se teria sido dele ou dos roteiristas, Payne garantiu que foi uma decisão mútua: “eles sabiam que eu não ficaria infeliz se se livrassem de mim. Eu expressei meu descontentamento na última temporada. Estava frustrado com o personagem. Ele chegou no programa de um jeito incrível e, do nada, acabou apagado em Hilltop”.

Tom Payne, intérprete de Jesus em The Walking Dead

Tom Payne, intérprete de Jesus em The Walking Dead (//Divulgação)

Jesus, que entrou na série na sexta temporada, terminou o episódio exibido neste domingo pela nona temporada apunhalado pelas costas. Na cena, ele cai no colo de Aaron, que nos quadrinhos se torna seu namorado.