Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

As vinte séries da Netflix que o público vê mais rápido

Serviço de streaming classificou como super maratonista o espectador que assiste a produções nas primeiras 24 horas após seu lançamento na plataforma

A Netflix divulgou uma análise sobre o comportamento de uma parcela de seus assinantes – 8,4 milhões deles aderiram ao que o serviço de streaming batizou de super maratona, que nada mais é do que ver uma temporada inteira de uma série nas primeiras 24 horas após o lançamento.

A Netflix também disponibilizou a lista das séries originais do serviço que têm mais super maratonistas no mundo. São elas: Gilmore Girls: A Year in the Life, Fuller House, Marvel’s The Defenders, The Seven Deadly Sins, The Ranch, Santa Clarita Diet, Trailer Park Boys, F is for Family, Orange Is the New Black, Stranger Things, Friends from College, Atypical, Grace and Frankie, Wet Hot American Summer, Unbreakable Kimmy Schmidt, House of Cards, Love, GLOW, Chewing Gum e Master of None.

Dependendo do mercado, a lista muda. No Brasil, por exemplo, a série da Netflix com mais super maratonistas é The Seven Deadly Sins. Em seguida, aparecem na lista Marvel’s The Defenders, Santa Clarita Diet, Gilmore Girls: A Year in the Life, 3%, The Ranch, Atypical, Stranger Things, Fuller House, You Me Her, Dear White People, Chewing Gum, Glitch, Frontier, Narcos, Friends from College, The Mist, Anne with an E, Love e The OA.

O maior percentual de super maratonistas está no Canadá, seguido dos Estados Unidos, da Dinamarca, da Finlândia e da Noruega. No ranking global, o Brasil fica em décimo lugar. É por aqui que está o terceiro maior maratonista do serviço: um brasileiro viu 21 séries no dia do lançamento somente neste ano.

 (Divulgação/Netflix)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Guilherme Gopfert

    Mas nenhum bate Game off Trimestre dá Concorrente

    Curtir

  2. Gulherme falou tudo ! GOT –> The best !
    —————————————————————–
    Depois deste, eu gosto do “Todo mundo odeia o Chris”, que também nem passa no Netflix… lamentável !

    Curtir