Clique e assine a partir de 9,90/mês

Após grave pneumonia, George Michael retoma turnê

Cantor havia cancelado shows após contrair a doença, que o deixou internado durante um mês

Por Da Redação - 2 Sep 2012, 10h13

O cantor britânico George Michael retomará na próxima terça-feira, em Viena, na Áustria, sua turnê Symphonica, que teve de ser cancelada em novembro do ano passado devido a uma pneumonia que o deixou “muito perto da morte”, como o próprio afirmou em entrevista publicada neste domingo pelo jornal austríaco Kurier.

George Michael explicou que o título de seu novo single, White Light, se refere à luz branca que muitas pessoas que viveram experiências próximas à morte dizem ter visto. “Felizmente, não vi essa luz. E sou muito agradecido por isso”, disse.

O cantor, que ficou internado durante um mês em um hospital de Viena, fará dois shows na capital austríaca – um na terça-feira e outro na quinta-feira, dias 5 e 6 deste mês.

Leia também:

Continua após a publicidade

George Michael lança música para comemorar 30 anos de carreira

Em relação à sua hospitalização, George Michael lembrou os sentimentos de culpa e compaixão por sua família, seus amigos e seu companheiro sentimental “por ter visto o quanto estavam sofrendo”. “Durante duas ou três semanas não souberam se eu iria sobreviver”, disse George na entrevista, na qual também contou que ele mesmo não se deu conta do perigo que corria.

Como gesto de agradecimento ao Hospital Universitário de Viena, no qual foi tratado, o astro presenteou mil ingressos a funcionários. “É o mínimo que poderia fazer. A equipe que salvou minha vida ficará na primeira fila, o que é maravilhoso”, declarou.

Feliz por retomar a turnê, George Michael anunciou que lançará um novo disco no começo do ano que vem, e que o álbum terá um estilo que misturará os de seus dois grandes trabalhos anteriores, Faith e Older.

Continua após a publicidade

(Com agência EFE)

Publicidade