Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Anthony Hopkins cai de joelhos pelo protagonista de ‘Breaking Bad’

Após assistir às cinco temporadas da série, o ator britânico decidiu encaminhar um e-mail a Bryan Craston ressaltando seu trabalho como 'absolutamente esplêndido'

O ator Bryan Cranston, protagonista de Breaking Bad, recebeu elogios de ninguém menos que Anthony Hopkins, o “monstro” de O Silêncio dos Inocentes e Hannibal. Após assistir à quinta e última temporada da série, o ator britânico decidiu enviar um e-mail para Cranston elogiando a sua performance no papel de Walter White. “É a melhor atuação que já vi, em toda minha vida”, escreveu no e-mail. “Eu sei que há muita ‘rasgação’ de seda e coisas doentias nesse ramo, e eu perdi a crença em tudo isso. Mas esse seu trabalho é espetacular, absolutamente esplêndido.”

QUIZ: Descubra o quanto você sabe sobre ‘Breaking Bad’

Os cumprimentos também foram direcionados ao restante do elenco, como Anna Gunn, Dean Norris, Aaron Paul e Betsy Brandt, entre outros, além da equipe de produção. Hopkins aplaudiu o modo como a história foi escrita. “O que começou como uma comédia de humor negro se transformou em um labirinto de sangue, destruição e inferno. Foi como uma grande tragédia grega, shakespeariana ou jacobiana.”

LEIA TAMBÉM:

Fim de ‘Breaking Bad’ bate recorde em downloads ilegais

O episódio final de Breaking Bad foi exibido nos Estados Unidos no último dia 29 de setembro, onde foi assistido por 10,3 milhões de espectadores. No Brasil, a quinta e última temporada era exibida pelo canal AXN, todas as sextas, às 22h. As cinco temporadas estão disponíveis no Netflix.

Leia o e-mail de Anthony Hopkins para Bryan Cranston, divulgada pelo produtor Steven Michael Quezada:

“Querido senhor Cranston,

eu queria escrever a você esse e-mail — então, estou entrando em contato com você pelo Jeremy Barber. Acredito que nós dois sejamos representados pela UTA (agência de talentos).

Acabei de terminar uma maratona de Breaking Bad — do primeiro episódio da primeira temporada até os últimos oito episódios (eu baixei a última na Amazon). Um total de duas semanas (viciantes) assistindo.

Eu nunca assisti a nada parecido. Brilhante.

Sua performance como Walter White é a melhor atuação que já vi, em toda minha vida.

Eu sei que há muita ‘rasgação de seda’ e coisas doentias nesse ramo, e eu perdi a crença em tudo isso. Mas esse seu trabalho é espetacular, absolutamente esplêndido.

O que é extraordinário é o poder completo de todos na produção inteira. Foram o quê? Cinco ou seis anos produzindo? Como os produtores, os roteiristas, diretores, diretores de fotografia… todos os setores — casting etc. — conseguiram manter a disciplina e o controle do início ao fim é (essa palavra tão usada) incrível.

O que começou como uma comédia de humor negro se transformou num labirinto de sangue, destruição e inferno. Foi como uma grande tragédia grega, shakespeariana ou jacobiana.

Se você puder, passe minha admiração a todos, Anna Gunn, Dean Norris, Aaron Paul, Betsy Brandt, R.J. Mitte, Bob Odenkirk, Jonathan Banks, Steven Michael Quezada –todos, todos deram aulas de atuação. A lista é interminável.

Obrigado. Esse tipo de trabalho/arte é raro e quando, de vez em quando, ele acontece, como nesse trabalho épico, recupera a nossa confiança. Você e todo o elenco são os melhores atores que já vi.

Pode parecer um monte de ‘rasgação de seda’, mas não é. É quase meia-noite aqui em Malibu e eu me senti obrigado a escrever esse e-mail.

Parabéns e meus mais profundos respeitos. Você é realmente um grande, grande ator.

Tudo de bom,

Tony Hopkins”