Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Angélica ‘ataca’ salsicha em comercial e é comparada a Roberto Carlos

Apresentadora, que já se disse vegetariana, prepara até sanduíche de mortadela em campanha da Perdigão

Angélica entrou para a galeria das celebridades que mudaram de hábito – ou juram que mudaram – pela publicidade. O jejum de carne vermelha da apresentadora, que já declarou no próprio programa, o Estrelas, só consumir peixe, não teria resistido ao gordo contrato publicitário oferecido pela Perdigão. Angélica e o marido, o também apresentador Luciano Huck, aparecem na nova campanha da marca de frios entre nuggets, cachorro-quente e sanduíche de mortadela.

A repentina mudança da apresentadora não tardou a repercutir nas redes sociais. “Quer dizer que Angélica ‘robertocarlizou’ e também voltou a comer carne vermelha por dinheiro?”, tuitou sem dó uma usuária de microblog. Menos de um ano atrás, em março de 2014, a apresentadora afirmou em entrevista ao site de seu programa que decidiu aos 12 anos não comer mais carne de “animais fofinhos”, como o coelho, o carneiro ou o porco – bicho que, em tese, recheia a salsicha.

Leia também:

JBS rescinde contrato com Roberto Carlos

Xuxa, Sandy e Charlie Sheen: quem mudou pela publicidade

A flexibilização do cardápio de Angélica remonta à controvérsia protagonizada por Roberto Carlos no ano passado. O cantor também se dizia vegetariano, mas apareceu em um comercial como garoto-propaganda da marca de carnes Friboi, ao lado do ator Tony Ramos. No vídeo, o cantor está em um restaurante diante de um suculento prato de carne grelhada, e o garçom pergunta: “Você voltou a comer carne, Roberto?”. A resposta afirmativa é seguida do refrão da música O Portão, que diz: “Eu voltei, agora para ficar”. Nos comentários do vídeo do Youtube os internautas questionam a posição do cantor. A rejeição do público foi tanta que fez com que a Friboi rompesse o contrato milionário com o músico. E a repercussão foi tão grande que inspirou um esquete de Tiririca na campanha eleitoral, em que ele se reelegeu deputado federal por São Paulo.

Diante da reverberação negativa da campanha nas redes sociais, a assessoria se apressou em distribuir um curto comunicado à imprensa, em que garante que Angélica comeu salsicha no comercial e traz aspas que seriam da própria apresentadora. “Fui escolhida para representar a Perdigão por meu papel como mulher dona de casa, que escolhe os produtos para a familia e amigos. Além disso, como salsicha, adoro cachorro quente e estou comendo no comercial porque realmente gosto”, diz o trecho atribuído a Angélica.

http://www.youtube.com/embed/S-dGapUcx9c
Angélica ‘quebra’ jejum

A apresentadora Angélica afirma não comer carne vermelha ou de “animais fofinhos”, como o porco e o coelho, há mais de 27 anos. No entanto, não pensa duas vezes na hora de experimentar o cachorro-quente feito com a salsicha Perdigão de carne de porco. Mediante um gordo contrato, é claro.

http://www.youtube.com/embed/q4QXJPk12l8
Roberto Carlos ‘volta para ficar’

O cantor que se declarava distante das carnes vermelhas aparece como garoto-propaganda da marca de carnes Friboi. A publicidade não foi bem aceita pelo público, o que levou a empresa a romper o contrato milionário com o músico.

http://www.youtube.com/embed/33k1zRWeUtQ
Sandy se torna ‘Devassa’

Por 1 milhão de reais, a comportada Sandy clareou o cabelo, subiu no balcão de um bar e garantiu que “todo mundo tem seu lado devassa” — até ela. A campanha que surpreendeu a todos no começo de 2011 foi também uma tática da cantora para mudar sua imagem pública, estratégia iniciada meses antes, com a turnê de lançamento do CD-solo Manuscrito.

http://www.youtube.com/embed/fuq1O6kVxXI
Bell Marques fica ‘lisinho’

Conta-se que a Gillete tentou convencer Lula a tirar a barba no início do ano passado, oferecendo a ele o mesmo cachê recebido por Sandy para anunciar uma bebida que ela não bebia. Com a negativa do petista, a marca mirou outra barba famosa: a do cantor Bell Marques, vocalista da banda de axé Chiclete com Banana. O grupo gravou até uma música — ou seria jingle? — para a ocasião: Lisinho.

Ivete Ruiva Ivete Ruiva

Ivete Ruiva (/)


http://www.youtube.com/embed/eQADOMVupmw
Zeca Pagodinho ‘traíra’

Fã declarado de uma das marcas da Ambev, o cantor Zeca Pagodinho embolsou 1 milhão de reais para ceder ao slogan “Experimenta”, que acompanhava a chegada ao mercado da Nova Schin, versão atualizada da paulista Schincariol. Mas o sacrifício era tão grande que o sambista não aguentou o teatro por muito tempo. No começo de 2004, poucos meses depois da assinatura do contrato com a Schin, que ainda era válido, ele ressurgiu como estrela de campanha da Brahma, cantando, na maior cara-de-pau, “Fui provar outro sabor, eu sei / Mas não largo meu amor, voltei”. Além de ir à justiça, a Schin rebateu com um comercial que trazia um sósia de Zeca e onde se lia, na lousa de um bar, “Menu do dia: traíra”.

http://www.youtube.com/embed/61SZjivmJNM
Charlie Sheen ‘sem álcool’

Não só as cervejas brasileiras lançam mão de um elemento surpresa para turbinar suas vendas. Nos Estados Unidos, a Bavaria sem álcool escalou como garoto-propaganda ninguém menos que o ator Charlie Sheen, que ficou conhecido por levar o mesmo estilo de vida de seu personagem na série Two and a Half Men, o mulherengo e beberrão Charlie Harper. 

http://www.youtube.com/embed/dJP2jHzIiDY
Xuxa ‘morena’

Surpresa mais recente do meio publicitário, a apresentadora Xuxa recebeu 2 milhões de reais, transferidos para a fundação beneficente que leva o seu nome, para escurecer o cabelo. A marca da tintura só não precisava dizer, como fez ao fim do vídeo em que a mãe chora ao ver Xuxa morena, que foi a apresentadora quem a escolheu.