Alô, Chacrinha: Homenagens ao apresentador vão tomar o cinema e a TV

Depois de musical e especial na Globo, Velho Guerreiro vai ganhar longa ficcional, documentário e microssérie

Por Lucas Almeida - Atualizado em 18 out 2018, 17h40 - Publicado em 18 out 2018, 15h09

No ano em que se completam três décadas da morte de Abelardo Barbosa, o Chacrinha, um calendário extenso de homenagens ao Velho Guerreiro está previsto para a TV e o cinema.

Depois de dar vida ao apresentador no musical biográfico no teatro, entre 2014 e 2016, Stepan Nercessian reviveu o personagem no especial transmitido pela Globo em setembro do último ano. Exibida em uma quarta-feira, no ingrato horário entre 23h à 00h30, a produção marcou 28 pontos de média de audiência na Grande São Paulo, representando nove pontos a mais do que a média do horário. O comprovado sucesso na TV e nos palcos salta agora para o cinema. 

No dia 8 de novembro, estreia a cinebiografia coproduzida pela Globo Filmes Chacrinha – O Velho Guerreiro, longa de ficção que acompanha a chegada de Barbosa no Rio de Janeiro, aos 21 anos, até os últimos anos do programa Cassino do Chacrinha. Em entrevista coletiva à imprensa nesta semana, o diretor do filme, Andrucha Waddington, afirmou que o filme deverá ser exibido futuramente na emissora carioca, mas ainda não há datas definidas para isso.

Os produtores do longa Cosimo Valerio e Angelo Salvetti (que também trabalham no filme sobre o comentarista Walter Casagrande Jr.) ainda anunciaram que, paralelo com a ficção, foi rodado um documentário sobre a história de Chacrinha, com o relato de pessoas que conviveram com o apresentador ao longo da carreira. A produção, dirigida por Cláudio Manoel e Micael Langer (responsáveis por Simonal — Ninguém Sabe o Duro que Dei, de 2009) deve ser lançada no próximo ano.

Publicidade

Waddington, que também foi diretor do musical sobre o Chacrinha, revelou que já estuda um novo projeto junto com a Globo: uma microssérie, que misturará ficção e documentário para dar luz, mais uma vez, à história do Velho Guerreiro.

Publicidade